Você é o que lê

segunda-feira, agosto 26, 2013

Oi queridos! 
Todos nós que amamos ler e que lemos continuamente nos deparamos com diversos personagens incríveis dos quais gostamos e admiramos. Será que nos deixamos levar pelo o que lemos? Ou será que somos totalmente imunes aos encantos dos livros?


Tenho lido constantemente por ai que Você é o que lê. Visando me certificar se essa afirmação é verídica tomei conhecimento de uma pesquisa que foi publicada no Journal of Personality and Social Psychology que mostra que ao se identificar com um determinado personagem o leitor, mesmo que inconscientemente, guarda um pouco das características dele para poder levar isso para o seu cotidiano.

Quando lemos livros, vivemos todas as situações e emoções dos personagens. É como se tivessémos as mesmas experiências o que tornaria nossa personalidade semelhante. "Se você tem uma conexão profunda com o personagem, ele pode ter um impacto duradouro", comentou o chefe da pesquisa Dr. Kaufman.

Não posso generalizar, mas sempre que me identifico com um determinado personagem e leio as incríveis formas de agir, falar e resolver situações desastrosas, confesso que procuro levar isso para o meu cotidiano. Não que eu seja amplamente influenciável ou alguma coisa do tipo, mas busco seguir bons exemplos, pessoas com opiniões coerentes e que saibam defender seu ponto de vista de forma racional sempre serão passíveis de se tornarem exemplos a se seguir.

Como a maioria das pessoas coerentes que conheço estão nos livros, então sim, acredito que Nós somos o que lemos, se assim decidirmos. Afinal, também lemos pessoas ruins que fazem coisas ruins e nem por isso seremos assim. Mas acredito que tem muito a ver com o pesquisador disse, a questão de se identificar, quando nos identificamos com algo ou alguém, não é incomum querermos trazer características deste algo ou alguém para o nosso cotidiano.

No final das contas aprendemos diariamente e com novos aprendizados vem as mudanças, é preciso apenas estarmos abertos para isso, enfim, acredito que se estivermos abertos a aprender e mudar os livros podem sim ser fontes de mudanças para qualquer um.


Então bibliófilos, vocês acreditam que bons livros e personagens incríveis são passíveis de moldar caráter e transformar as pessoas para melhor??? Não deixem de dar sua opinião!

Confira Também

23 comentários

  1. Nossa, concordo totalmente com o que você disse. Quando você se identifica com o personagem é totalmente normal querer incorporar algumas atitudes no seu dia a dia. Costumo fazer as mesmas indagações que o senhor Ivan Ilitch algumas vezes haha

    Beijos,
    Isabella de Paiva - BR
    www.theurbantrends.com

    ResponderExcluir
  2. Achei a pesquisa bem interessante. Acho que os livros ajudam muito a moldar o caráter de uma pessoa. Quem lê perde menos tempo com bobagens.
    Estou seguindo seu blog para acompanhar as atualizações e sempre que puder fazer uma visita.
    Abraços

    http://reaprendendoaartedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Gostei bastante do tema abordado
    Quase nunca pensamos nisso
    Acho que cada personagem deixa um pouquinho da sua história em nossas vidas

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. De certa forma quebrada, sim. Principalmente quando lemos histórias de grandes feitos, ou até mesmo pequenos feitos. Bons exemplos sempre devem e precisam ser seguidos. Me lembro de um livro do Bernardinho "transformando suor em ouro" que gosto muito (e olha que torço o nariz para auto ajuda srsrs). Geralmente releio de vez em quando. Gosto da forma como ele fala de perseguir a vitória sempre, aprendendo com os erros e avaliando os detalhes que vão fazer a pessoa "chegar lá". Depois que eu li, tento levar um pouco disso para minha vida, tipo aquela história do "desistir jamais".
    grande bj e ótima semana

    ResponderExcluir
  5. Nossa é realmente assim que eu me sinto, sempre que leio algo tendo trazer tudo de bom da vida daquele personagem para a minha, muito interessante esse post, amei...

    Beijos
    BR
    http://josyarr.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Com certeza moldam! É maravilhoso terminar de ler um bom livro, saber que tem ele na estante, sentir a textura das páginas e imaginar o personagem principal, nossa, é incrível. Mas acho que há muitas exceções, sabe? Tem livros que são necessários pra toda uma geração, mas há livros que são necessários pr'aquelas pessoas, aí vai de personalidade pra personalidade, mas ler algo que possa te ensinar coisas boas, bom, isso não tem preço.
    http://literallypitseleh.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Ótimo post! Com certeza não dá para generalizar, mas em regra nos identificamos com personagens que tem algo da nossa personalidade. Acontece que algumas vezes também nos apaixonamos por aqueles que tem algo que temos vontade de ter ou ser e não conseguimos.

    Abraços, Isabela.

    www.universodosleitores.com

    ResponderExcluir
  8. Pior que é verdade!! Lendo alguns livros e me apegando com certos personagens, acabo falando e pensando do mesmo jeitinho que o dele! Hahaha!
    < www.maquinadefeminices.blogspot.com >
    BR

    ResponderExcluir
  9. Uau! Fantástico seu post, desde o tema até ao desenvolver da ideia! Parabéns!

    Acredito que todo autor como ser humano que é, tem milhões de personalidades em seu inconsciente, fruto de sua vida social, das pessoas que conhece ou já conheceu e isso aflora toda vez que coloca a mente pra trabalhar e escrever algo, e creio que ai é que vem essa tal identificação, por lermos sobre personagens que mesmo inconscientemente percebemos algo em comum, o que nos leva a gostar mais ou menos de um personagem!
    Desculpe-me se pareci meio Freud com toda essa conversa de inconsciente, não foi minha intenção!
    Gostei muito da postagem e não poderia deixar de dar minha opinião, que tem um teor profundo para um debate saudável sobre o tema!

    Grande Abraço
    Claudinei Barbosa
    http://resenhandoecontando.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá!

    Muito bom o post. Acredito que a leitura pode influenciar sim e como você disse nos identificamos com as ações dos personagens, além disso sempre refletimos com aquelas que não concordamos ou ainda com aquela que almejamos.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Verdade, também concordo com a frase "Você é o que você Lê " , acho que a probabilidade de carregarmos características de um personagem literário para nosso cotidiano deve-se ao fato de nos identificarmos com ele.

    Beijos
    Érika Cibely
    http://www.sempreconectada.com/

    ResponderExcluir
  12. Com certeza, literatura faz com que a gente reflita sobre a vida, as pessoas e a própria personalidade. Não seria nada sem meus bons livros <3

    http://pedrasnaminhajanela.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Tenho sorte amo ler, leio só livros com mais de 300 páginas, sou feliz por isso
    anainstant.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. O livro ensina muita coisa, vimos lições, acontecimentos, realmente vivemos aquilo. Eu acredito que todas essas experiências nos fazem sim, crescer como pessoas!

    Uma beijoca,
    Nanda Cris

    Maquiada & Esmaltada
    Maquiada & Esmaltada no Facebook

    ResponderExcluir
  15. Eu amo ler desde nova e viajo nas histórias lidas, pena que meu tempo é curto. Com certeza o livro nos influenciam bastante.

    Beijos

    Ane-BR
    www.aaconchego.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Nossa amei o post e o título super concordo, nós somos o que nossa mente conhece.
    Mil beijus, BR www.nossomosmoda.blogspot.com !!

    ResponderExcluir
  17. adorei o post. gosto de ler, e a pesquisa ficou interessante!!
    bjs bjs ;*
    pitadasdeestilo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Gosto de ler. E acho importante que o leitor se incorpore no personagem para que fique mais claro e mais harmonioso *-*
    Beijos| www.reinodeumateen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Adoro ler, e acho que quando o leitor se incorpora no personagem fica mais fácil para compreender o que está sendo dito *-*
    Beijos | www.reinodeumateen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Olá...
    ♥ que bacana esta pesquisa... com certeza qdo estamos lendo algo que realmente nos interessa acabamos entrando de cabeça na leitura e nos deixamos levar pela historia, pelos personagens... amei o post.

    Pinkiss
    by; Renata Princess ♥

    http://my-life-pink-s2.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. gostei muito do seu post ainda mais a sua curiosidade de buscar mais informações... =)
    Acredito que levamos sim os nossos personagens conosco porque de uma forma nós acabamos por dizer que também somos moldados pelos livros que lemos.
    beeijos

    www.minhasegundaface.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. Sinceramente, acredito que sim, eu vou mais além.. acho que essa influência também se aplica aos seriados/filmes/novelas/jogos, etc.. pode parecer bizarro duas coisas que vou dizer, mas depois de assistir as 6 temporadas de Sex and the City, minha vida mudou da água para o vinho!! Me identifiquei com diversos dramas pessoais vividos pelas personagens e me encorajei a ir atrás dos meus sonhos e resolver várias pendências na minha vida. É maluco, mas diversas vezes percebi que algo que eu estava falando era algo que alguma das personagens havia falado. Não porque eu as tivesse imitando, mas porque acreditava naquilo que elas diziam ou pensavam e acabei inconscientemente incorporando no meu cotidiano. Bom, a segunda coisa é que a minha vida também mudou drasticamente depois de jogar The Sims. Sou viciada nesse jogo!! Sempre fui uma pessoa preguiçosa, desorganizada, indisciplinada, deixava tudo para depois. E no jogo, para as coisas darem certo, temos que criar diversas estratégias para os Sims terem tempo de fazer tudo o que precisam e crescer na carreira, cuidar da casa, trabalhar, namorar, etc. Eu criei uma rotina padrão no jogo tão forte que um dia pensei "Por que não fazer isso na vida real também?" Batata, depois disso, aprendi a otimizar meu tempo de tal forma que hoje consigo fazer tudo que preciso e ainda sobra tempo para descansar, ler, etc.. Incrível!! hehe Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  23. Eu sou assim, amo ler, não tenho muitos livros ainda. Mas todos os livros que leio, procuro informações antes de comprar. Nunca li livros eróticos, nem de magia, essas coisas que não me edificam ;)
    http://cantinhodameninacrista.tk

    ResponderExcluir