13 de julho de 2019

Plantão literário: Elenco da série "Bridgertons" tem seus primeiros nomes anunciados

Olá pessoal!
Desde que a adaptação da série Bridgertons foi anunciada, os fãs da obra estão em polvorosa. De lá pra cá algumas informações surgiram pelo caminho aumentando ainda mais a ansiedade pelo produto final. E graças a isso, já sabemos que a série está sendo produzida, por ninguém mais, ninguém menos que Shonda Rhimes - carinhosamente apelidada de Shondanás, entendedores entenderão -, que sua estréia está prevista para o próximo ano e que será disponibilizada no serviço de streaming Netflix. Além disso, recentemente foi divulgado que a consagrada atriz Julie Andrews dará voz a nossa querida Lady Whistledown. Todas essas informações, tem aquecido os corações apaixonados dos fãs da melhor família de todos os tempos - sou tiete, porque sim. Com base nisso, dizer que essa semana pegou fogo com as revelações dos nomes dos atores que irão compor parte do elenco, seria como chover no molhado, não é mesmo? Então se você passou os últimos dias em uma caverna, vem saber tudo o que rolou. Se você já sabe o que rolou e acompanhou todos os babados, vem me contar o que está achando de tudo isso. E segue lendo!


Parte do elenco oficial que fará parte da série Bridgertons foi divulgada, mas ainda não sabemos como a série será trabalhada. Uma temporada para cada livro? Quantos episódios? Essas são perguntas que ainda não possuem respostas, mas se pudemos perceber algo com essa primeira divulgação do cast, é que a Shonda Rhimes não se privará de fazer as alterações que julgar necessárias. Temos atores que não condizem com a descrição literária e temos personagens que não fazem parte da história original, e estamos torcendo para que o resultado disso, faça jus a espera ansiosa que estamos enfrentando.

Jonathan Bailey (Anthony Bridgerton), Luke Newton (Colin Bridgerton), Phoebe Dynevor (Daphne Bridgerton) e Claudia Jessie (Eloise Bridgerton)

Ruth Gemmell (Violet Bridgerton), Rége-Jean Page (Simon Basset), Nicola Coughlan (Penelope Featherington) e Golda Rosheuvel (Queen Charlotte)

Adjoa Andoh (Lady Danbury), Polly Walker (Portia Featherington), Sabrina Bartlett (Siena Rosso) e Ruby Barker (Marina Thompson)


SE NÃO FOR DO MEU JEITO, NÃO SERVE. 

Como "nem Jesus agradou a todos", não seria o elenco de Brigertons a conseguir essa faceta. É aqui que falamos da insatisfação que assolou uma parcela considerável do fandon da Júlia Quinn. As reclamações foram as mais diversas, desde personagens que não condizem com a descrição presente nos livros, até o Simon ser interpretado por um ator - belíssimo por sinal - negro. Afinal existiam duques negros em 1800? A época não era escravista? O Simon do livro não tinha olhos azuis? Esses foram alguns dos questionamentos que dominaram as redes nos últimos dias. Houve quem defendeu veementemente a importância de haver uma adaptação o mais fidedigna possível, e houve quem aceitou de bom grado as mudanças. Eu particularmente, estou muito feliz com o fato de uma série tão querida estar sendo adaptada. Os atores são o que eu esperava/imaginei? Não mesmo. Mas me recuso a opinar a respeito da qualidade do projeto, antes mesmo de ter a chance de vê-lo pronto. Acredito que uma história vai muito além do físico de seus personagens, existe o ser e o agir. Falas, gestos, figurinos, cenários... Até o momento só conseguimos vislumbrar a ponta do iceberg, ainda existe um mundo de possibilidades, que pode tornar essa adaptação memorável, e eu prefiro me agarrar a isto. A Júlia Quinn, autora das obras que inspiraram a adaptação também repercutiu o assunto. Confira a mensagem que ela divulgou em seu perfil no facebook, logo abaixo: 

Em tradução livre...

"Tem havido muita discussão sobre o elenco recentemente anunciado de Bridgterton, e eu sei que muitos de vocês querem saber o que eu acho.

Eu adoro isso.

Estou apaixonada por todas as escolhas de elenco. Como muitos de vocês, eu não estava familiarizada com todos os atores, então quando recebi as notícias, procurei no google. Encontrei fotos, encontrei entrevistas, encontrei vídeos. E tudo o que posso dizer é que o diretor de elenco é genial. Cada um desses atores vai trazer profundidade e magia para os personagens de maneiras que me fazem tremer de antecipação.

Eu sei que alguns de vocês estão preocupados porque os atores não combinam com as descrições nos livros, mas eu não estou. Eu nem me lembrava que o Simon tinha olhos azuis. Deixe que isso se afunde por um segundo. Eu criei o personagem, mas não me lembrei da cor dos olhos dele. Mas sabe do que eu me lembrava? Lembrei-me da sua sagacidade, e lembrei-me do quanto ele adorava a Daphne, mesmo antes de entender o que significava amar outro ser humano. Lembrei-me de como ele tinha de aprender a fazer parte de uma família, mas ele foi sábio o suficiente para trazer dois ramos de flores quando visitou a Daphne - um para ela e um para a mãe dela. Lembrei-me que ele fez algumas escolhas muito más, e lembrei-me que ele também fez algumas boas escolhas. Eu me lembrei que ele estava quebrado, e eu me lembrei que ele estava curado.

Não me lembrava que os olhos dele eram azuis.

Regé-Jean Page é um ator brilhante, e se me é permitido objetificá-lo por um breve momento, ele é lindo, e eu poderia ficar olhando para ele o dia todo. Ele é cada pedaço de Simon que importa.

O mesmo se aplica a Phoebe Dynevor, Nicola coughlan, e Adjoa Andoh, e a todos os atores que estão trazendo os Bridgertons à vida. Essa série vai ser incrível, e eu mal posso esperar."

Nenhum comentário

Postar um comentário