Resenha #28 A profecia de Mídria - Denise Flaibam

terça-feira, abril 30, 2013

Mais uma resenha de um livro nacional e o livro da vez da querida autora parceira Denise Flaibam. Este  é o segundo livro nacional que leio e amo. Sinceramente a cada dia que passa mais me orgulho dos nossos talentosos escritores.

Titulo: Os mistérios de Warthia
Autor (a): Denise Flaibam
Editora: Novo Século
N° de Páginas: 392
SERAFINE DELAY ERA UMA GAROTA COMUM... À sua maneira. Sua vida na sossegada Vila do Sol muda bruscamente numa noite, quando sua décima oitava primavera era festejada. Um ataque acaba forçando-a a fugir desesperadamente de monstros sanguinários e imbatíveis. Por algum motivo para lá de insano, tais criaturas queriam sequestrá-la! E enquanto mergulha de cabeça no universo mágico de Warthia e começa a entender a ligação de suas marcas com a história daquele mundo, Serafine descobre-se numa surpreendente situação: seu destino está traçado. Uma antiga profecia clama por seu espírito, e uma difícil jornada deve começar. Na companhia de um belo e rude espadachim, uma simpática garota de orelhas pontudas e um felpudo guerreiro belicoso, Serafine deve ingressar numa viagem de perigos desconhecidos, que se inicia no Norte daquele vasto continente, treinando para derrotar àquela que vem das Trevas para tudo devastar. Os Mistérios de Warthia devem ser desvendados, e Serafine é a única capaz de fazê-lo.

Warthia é um mundo mágico habitado por seres misticos e seres comuns. Criaturas boas e más. Este mundo incrível é dividido em quatro Reinos, cada um governado por um rei (todos irmãos).

E é neste mundo em que vive Serafine  Delay, ela foi criada por um casal de humanos que viviam em Vila do sol, esse casal era muito feliz, porém algo lhes faltava para que tal felicidade fosse completa, eles desejavam um filho, e o pediram aos deuses. Então Serafine foi deixada em sua porta, acreditando ser um presente dos deuses as suas preces o casal aceitou o bebê com todas as suas diferenças e o criou rodeada de carinho e amor.

Serafine não era um ser comum, ela possuía pele coberta por desenhos de cor perolada. Ela não era humana e para protegê-la de um reação negativa dos habitantes da Vila do Sol (uma das poucas em Warthia que abominava os seres místicos) seus pais adotivos resolveram ocultar essa verdade. 

Mesmo com os desenhos da pele encobertos, Serafine transpirava singularidade, tornou-se um jovem diferente de todas, e fazia coisas que deixava os habitantes da vila de cabelos em pé, como andar a cavalo sem sela, completar 18 primaveras sem ainda estar casada, entre outras coisas que eram inconcebíveis uma jovem fazer naquela região.

No dia em que comemorava seu aniversário, Serafine viu sua vida mudar completamente. A vila foi atacada por um grupo de amaldiçoados que desejavam sequestrá-la. Nesta noite a jovem viu seu entes queridos perecerem em uma batalha da qual não puderam se defender. A própria Serafine só escapou porque foi retirada a força por Jarek e Ývela dois seres místicos que dizem ser seus guardiões e afirmam que o destino de Wathia está em suas mãos.

Serafine então é apresentada a um novo mundo, onde ela precisa se fortalecer cada dia mais, e adquirir todo o conhecimento e poder possível, pois pelo que todos dizem ela é a única salvação para Warthia agora que um mal terrível ameça voltar das profundezas e destruir todos inclusive ela mesma.

Nessa Jornada a jovem conhece seres maravilhosos e seres extremamente perigosos. Cria vínculos com seres que a ajudam em sua jornada e desenvolve sentimentos singulares para com seu guardião Jerek um guerreiro de aparência séria, mas que possui um humor próprio (sorri muito com as interações desses personagens). Conheceu parte da sua história e aceitou seu destino bravamente, mesmo temendo o desconhecido.

Este livro preencheu meus dias com aventuras surpreendentes. Está repleto de ação e magia, sem falar de momentos engraçados, não tive como não rir enquanto Jerek com sua sinceridade excessiva e seu humor inabalável por diversas vezes conseguiu tirar Serafine do sério.

A principio achei a personagem principal um pouco imatura (o que é justificável já que ela foi criada em uma vila sem grandes perigos sempre protegida, e de uma hora pra outra foi lançada em um mundo louco cheio de perigos), depois de refletir, acabei mudando de opinião e achando que ela é muito mais madura do que muitos, ela aceitou seu destino sem questionar a todo instante, mesmo estando cheia de dúvidas ela foi paciente e esperou para saber o que era preciso.

O livro foi escrito na terceira pessoa, e gostei muito já que assim pude ter uma visão ampla de tudo o que se passava e saber de toda a estória por trás dos seres misticos envolvidos no enredo. Estava curiosa para lê-lo desde a primeira vez que li a sinopse, quando iniciei a leitura, esta se desenvolveu em um ritmo frenético, tive que dividir o tempo entre provas e trabalhos da faculdade, li durante as madrugadas, mas conclui a leitura e fiquei mais que satisfeita com o desfecho. Nunca li nenhum livro do gênero, mas me apaixonei pela escrita da autora recheada de ação e muitas surpresas, pretendo ler mais livros assim.

No momento aguardando ansiosamente a continuação, querendo participar das próximas aventuras desse grupo e ansiosa para saber o que será do futuro de Warthia.

Super recomento para os leitores apaixonados por elfos, magos, ação e muita aventura. Venha também desvendar os Mistérios de Wathia.

Muito bom

Confira Também

11 comentários

  1. Tenho visto muitos livros nacionais que tratam de seres misticos e todos eles com continuação, bem legal isso! Também ando super animada com a literatura nacional!!!

    beijos
    Kel
    porumaboaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Te indiquei numa tag
    sonholiterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Delmara! Que bom que a personagem principal mudou sua opinião no decorrer do livro, e você conseguiu entedê-la e gostar. Parece sem um ótimo livro, espero ler uma hora dessas. Bjos!!!

    ResponderExcluir
  4. HUm...acredito que nunca tinha ouvida falar nesse livro? Entretanto, parece ser uma obra maravilhosaaaa! Quero muito ler, adoro criaturas mágicas e o enredo desse parece ser divinooo!^^
    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma.

    ResponderExcluir
  5. Tenho vontade de ler este livro. A capa é bonita e sua resenha está ótima.
    Me interessei mais ainda. Beijo!

    ResponderExcluir
  6. Amiga sua resenha ficou muito boa, mas eu não li ela inteira, porque eu ainda nao li o livro. (risos)
    Mas pelo pouco que vi, fiquei muito curiosa de ler.
    Eu já estou com o livro em mãos, mas ele tá na minha listinha para ser lido. Não vejo a hora, pois todo mundo tá falando muito bem do livro da Denise. Ela é um amor de pessoa e merece muito sucesso. Sinceramente. Parabens pela sua resenha.

    bjokas

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Não conhecia o livro. :x
    Inicialmente, mesmo após ler a sinopse e a sua resenha positiva, não fiquei interessado.
    A história não me deixou curioso. Se por algum acaso eu tenha a oportunidade de lê-lo, lerei só pra conhecer mesmo, sem grandes expectativas.
    Gostei de saber sua opinião.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  8. Adorei a resenha e me encantei com o livro. Quero muito ler. O enredo parece ser muito parecido com o da serie Fadas. Adoro livros assim, que o personagem descobre ser de outro mundo. Da uma saudadinha de Harry Potter.

    http://blogprefacio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Amore, desculpa a demora em vir comentar!
    A resenha ficou excelente, eu adorei! Fiquei muito contente por você ter gostado tanto! Agradeço demais por essa nossa parceria.
    Amei os comentários daqui também, obrigada por se interessarem! *-*

    Grandes beijos,
    Denise Flaibam.

    ResponderExcluir
  10. Warthia é vida, só isso! <3 Também estou ansiosa com a continuação Delmara! Você escolheu um excelente livro para continuar sua busca na literatura nacional! Sou suspeita, porque minha paixão pelo Jarek já não é mais secreta, mas a Denise surpreende mesmo!
    Beijão! Mari Scotti

    ResponderExcluir