28 de junho de 2017

[Resenha] Bela distração - Jamie McGuire

Oi pessoal!!
Olha só quem resolveu a essa altura do campeonato embarcar na história dos Irmãos Maddox. Já faz uma eternidade (mentira, faz apenas quatro anos) que totalmente por acaso conheci a série Belo desastre e tive meu primeiro contato com um dos muitos Maddox, e tenho que admitir que foi amor a primeira lida, por favor não me julguem, eu sei que muita gente considera os irmãos extremamente abusivos em seus relacionamentos, e eu de fato não nego que existem uma série de abusos praticado pelo Travis, mas apesar disso eu consegui ver além dessa fachada inicial e por essa ser uma questão bem complexa vou discorrer a respeito durante a resenha. O fato é que estou de volta a esse universo eletrizante e me deixei fazer refém da escrita Jamie novamente, porque é fato que vou ler todos os livros desse spin off o mais breve possível. Bela distração é um novo começo que dá sequência a uma das histórias que mais amei ler na vida.

Título Original: Beautiful Oblivion
Série: Irmãos Maddox #01 | SPIN OFF: Belo desastre
Autor (a): Jamie McGuire @JamieMcGuire
Publicação: Verus (Cortesia)
ISBN: 9788576863397 | Skoob
Gênero: Jovem adulto
Ano: 2014
Páginas: 306
Avaliação: 4/5★
Cami Camlin é uma garota intensa e independente, dona do próprio nariz desde a época do ensino médio. Agora, cursando a faculdade e trabalhando como bartender no The Red Door, Cami não tem tempo para nada, até que uma viagem para visitar seu namorado é cancelada e, pela primeira vez em quase um ano, ela tem um fim de semana de folga. Trenton Maddox era o rei da Universidade Eastern. Os caras queriam ser como ele, as mulheres queriam domá-lo. Mas, depois de um trágico acidente virar sua vida de cabeça para baixo, ele deixa o campus para lidar com a culpa esmagadora. Um ano e meio depois, Trenton está morando com o pai e trabalhando em um estúdio de tatuagem para ajudar a pagar as contas. Justamente quando ele pensa que sua vida está voltando ao normal, nota Cami sozinha em uma mesa no Red Door. Como a irmã mais velha de três caras de pavio curto, Cami acredita que não terá problemas para manter a amizade com Trenton no nível estritamente platônico. Mas, quando um Maddox se apaixona, é para sempre — mesmo que Cami possa ser a razão para que a já fragilizada família Maddox desmorone de vez.
Cami sempre teve uma vida familiar difícil, ter que lidar com os rompantes do pai violento é doloroso e deveras assustador, então quando ela teve a oportunidade de sair de casa para cursar a faculdade, não pesou duas vezes e desde então vem se virando bem, possui um bom emprego como bartenter que supre todas as suas necessidades, mas quando o irmão caçula lhe pede ajuda financeira ela não vê outra alternativa a não ser encontrar um segundo emprego, e só há uma opção ao alcance das mãos, trabalhar como recepcionista no estúdio de tatuagem que Trenton trabalha lhe parece a forma fácil e rápida de levantar um dinheiro extra, mesmo que para isso ela tenha que passar incontáveis dias ao lado de um dos mulherengos mais sexys da cidade e que resolveu investir seu tempo tentando conquistá-la. Mas isso não será problema, afinal ela e Trenton são apenas amigos e Cami tem um namorado pelo qual é perdidamente apaixonada. A questão é que, "quando um Maddox se apaixona, é para sempre" (amo essa frase EVER) e um Maddox não desiste daquela que lhe é importante, não importa quanto tempo tenha que esperar.

Eu estou em êxtase, desde essa madrugada quando finalizei a leitura. A narrativa é tão viciante que li tudo em uma sentada, não consegui parar e levei menos de doze horas corridas para chegar ao fim dessa história que me apresentou mais um Maddox para amar. O Trenton é muito parecido com o Travis, mas bem mais controlado em vários sentidos, na verdade custo a crer que algum outro irmão seja tão intenso quanto o caçula dos Maddox, mas voltando ao que eu estava falando, Trenton é explosivo e não se priva de começar ou terminar uma briga, como já é de praxe os integrantes dessa família não se importam em usar os punhos para resolver seus problemas e por isso chegam a ser temidos por alguns, mas diferente do outro este não é tão dado a esse tipo de coisa, o ciúme excessivo também está presente, bem como a superproteção e as intervenções desnecessárias na vida extra conjugal da garota, o que de fato incomoda, mas não posso ser injusta e deixar de dizer que ele tenta ao máximo não ceder a esses impulsos irracionais. E além disso, a Jamie contrabalanceou essas características do protagonista com a personalidade de Cami, que por ser a única mulher dentre quatro irmãos não tem dificuldades de lidar com os rompantes do nosso belo rapaz. Apesar da persistência de Trenton, as coisas só acontecem de fato quando Cami decide ser o momento, e diante da situação achei a inflexibilidade dela muito bem vinda, e ajudou a dar limite a algumas situações e tornar essa relação o mínimo normal possível.

Conforme a história se desenrola, é possível ir descobrindo gradativamente o quão antigo e profundo é o amor que Trenton nutre pela Cami, esse fato me comoveu imensamente. Saber o quanto ele foi paciente e esperou por anos o momento para finalmente se aproximar dela me fez torcer ainda mais por um desfecho feliz para esse romance, mas é claro que ele não escolheu o momento mais apropriado para tentar uma aproximação, já que a menina possuía um namorado que apesar de estar distante e claramente não tê-la como prioridade, parecia importante, e já adianto que o bendito namorado é importante mesmo, recomendo que deem atenção a ele e se solidarizem com a situação do rapaz, não sejam como eu e fiquem torcendo fervorosamente contra ele e o achando um empecilho, para no fim não sentirem a culpa que estou sentindo agora, isso porque a McGuire foi desleal e me induziu a desconsiderar os indicadores e à antipatizar com o cara e Deus me ajude porque vou ter que ler esse livro todo de novo, dessa vez com o trunfo de saber que o maldito segredo que Cami esconde é relevante e pode realmente abalar a família Maddox (passei a leitura toda achando que era mimimi).

"- A gente já perdeu a primeira mulher que amou. A ideia de passar por tudo isso de novo nos apavora."

Outro ponto importante e recorrente na trama que me incomodou bastante foi a "síndrome de vira-lata" que Raegan, melhor amiga de Cami, demonstrou ter. Nossa senhora, essa foi uma das partes mais difíceis de engolir, a garota se apaixona, se entrega e é abandonada pelo cara, até ai tudo bem vida que segue, não é mesmo? Então ela encontra um rapaz legal que a ama e de quem ela gosta muito, mas a sombra do ex fica pairando sobre sua cabeça desmiolada, então em um belo dia quando tudo ia bem, o "defunto" reaparece querendo uma nova chance para pisar no coração da sem noção. E o que ela faz? a) repreende e sai fora ou b) joga tudo pro alto e vai correndo ser infeliz? Já sabem, né? Acertou que escolheu a leta b. E se não bastasse escolher errado, ainda persistiu no erro durante quase todo o livro, vocês não tem noção do quanto fiquei frustrada com essa garota, se duvidar superou todos os deslizes do Trenton. Mas nem só de loucuras e burradas vivem os personagens secundários, adorei conhecer um pouquinho de cada colega dos dois empregos de Cami, são dois ambientes super encantadores, - mesmo um sendo um bar e o outro um estúdio de tatuagem - onde é nítido o carinho e o respeito, me senti acolhida e da família tal como a protagonista.

Bela distração, me trouxe de volta a um universo que já conheço e curto bastante. A história deste ocorre em paralelo a da série Belo desastre e podemos conferir ao fundo todo o drama vivido pelo Travis enquanto se rendia ao seu amor por Abby, e isso foi maravilhoso de ver, esse detalhe em especial tornou possível o vislumbre mesmo que breve de algumas situações importantes que ocorreram na série anterior e seu impacto sobre as vidas dos personagens dessa nova história. Além disso, mostra de forma mais ampla a visão que todos tem de fato sobre essa família tão peculiar, mais uma vez sofremos com a dor de um Maddox e nos apaixonamos pela capacidade de amar intensamente que eles possuem. Não nego que estou desesperada pela sequência dessa história, que trará Thomas o mais velho dentre os irmãos como protagonista e que por sua vez também teve seu destaque nesse enredo, mas não falarei a repeito dele aqui, deixarei que descubram por conta própria os mistérios que envolvem essa família que tenho na mais alta conta.

16 comentários

  1. Oi, Delmara!
    Não li nenhum dos livros dessa série. E confesso que quero, mas tenho muito receio. Esse ar explosivo que esses irmãos carregam me deixa agoniada. Além das protagonistas submissas com vai e volta maluco por esses caras grosseiros. :/
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu gosto muito dessa série e esse livro foi tão envolvente quanto os outros para mim, adoro todos os personagens. Há muita emoção nessas páginas e acho incrível como a autora faz o desenvolvimento dos sentimentos de cada um dos personagens. Sua resenha ficou ótima, ainda mais por me fazer relembrar uma história tao especial.
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Eu vejo o que muita gente que eu acompanho ama essa série. Mas eu particularmente não consigo ver o que ela tem de tão bom que faz esse amor tanto por eles kkk. Acho umas histórias bem sem sal (aparentemente) mas devo dizer que as capas são realmente bem belas. Por não curtir muito a série eu irei passar a sua dica de hoje. Até mais ver

    ResponderExcluir
  4. A leitura de Belo Desastre foi um desastre pra mim e em função disso, não pretendo ler mais nada deste universo criado pela autora. Sei que a serie tem muitos admiradores, mas eu não sou um deles.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá.
    Nossa, não conheço nada do universo dos irmãos Maddox, tô precisando ter meu primeiro contato com eles. Adorei o termo 'síndrome de vira-lata' hahaha, já sei que essa aí vai me tirar do sério. Mas acho que se eu não quiser pegar spoilers, mesmo que sucintos, não devo começar por bela distração.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oie...
    Adorei sua resenha!
    Gostei bastante de sua resenha e confesso que morro de vontade de ler essa série, porém, tenho uma preguiça danada de começar a ler uma série que todo mundo já leu, então, sempre acabo deixando essa leitura de lado ;)
    Fico feliz que tenha gostado da leitura!
    Bjo

    ResponderExcluir
  7. Olá Delmara,
    Que bacana que tu curte esse universo tanto assim. Eu não tenho vontade de ler esse livro, pois o personagem masculino não me agrada. Já li muitas coisas sobre ele e sinto que vou detestá-lo. Que bom que você está desesperada pela continuação, mas vou passar a dica.
    beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Vou te confessar que sou parte do time que não curte os irmãos Maddox. Me incomoda muito esses livros que romantizam relacionamentos abusivos, colocando algo além da fachada, como se isso justificasse o comportamento deles. Mesmo você falando que a protagonista é forte e impõe um certo limite, percebi alguns estereótipos em Trenton que realmente me incomodariam.
    De qualquer forma, fico feliz que você esteja gostando da leitura e espero que o próximo livro seja ainda melhor. Gostei muito da resenha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem?
    Essa série não chama muito a minha atenção, sei que tem muitos fãs aqui no Brasil, mas eu mesma não curti muito o enredo.
    Fico feliz que tenha gostado da obra, eu gostei muito de conferir suas impressões da obra, e quem sabe um dia eu mude de ideia e de uma chance.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  10. Olá, Delmara

    Eu li Belo Desastre assim que ele saiu e odiei o livro. Sério, são poucos oa livros que eu odiei e geralmente detesto usar essa palavra para falar sobre uma história, mas além de ter achado Belo Desastre super abusivo como você bem pontuou, achei inverossímil, infantil e mal escrito. Então meu interesse nas continuações é inexistente.
    Mas que bom que vc curtiu! ;)

    Beijo
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde!

    Infelizmente não tenho interesse nessa série, principalmente por conta do gênero no qual não estou habituado. Mas sempre vejo muita gente louca pelos livros, e isso sempre dá um estímulo para começá-la.
    Fico feliz que você tenha gostado de mais esse livro. Quem sabe um dia eu não comece a ler?
    Abraços.

    ResponderExcluir
  12. Oii
    Quando li Belo Desastre a muitos anos atrás eu me apaixonei perdidamente pela história, mas ai com o passar dos anos e a autora inventando de continuar a série eu não senti atração por estas continuações. Ainda tenho um carinho especial pelo livro, mas hoje enxergo os problemas que ele retrata. Não tenho interesse de saber sobre a vida amorosa dos outros Maddox, mas materei o Travis e a Abbey sempre na lembrança.

    Vícios e Literatura

    ResponderExcluir
  13. Oláa, tudo bem? Já li esse livro, assim como Belo Desastre, e confesso que não sou muito fã dessa série de livros. Adoro new adults, e gostei de alguns pontos de ambos os livros, mas foi uma leitura com mais baixas que momentos altos para mim, então não é uma serie que eu fique empolgada em continuar, fora que as relações abusivas, de ciúme doentio e etc não me empolgam de maneira alguma! Gostei de sua resenha!

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Eu sou apaixonadaaa por essa série, Travis Mozão.
    Eu gostei muito do livro do Trent, passei raiva numas cenas, mas valeu kkk
    Amei sua resenha.

    Beijos
    Leitora Dramática
    https://blogleitoradramatica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. oie, infelizmente não tenho vontade de ler os livros dessa autora, mas pude ver que é uma série que você gosta e que o livro te cativou muito, para ler em doze horas, risos, eu amo quando isso ocorre. Certamente a melhor amiga e sua idiotice em relação ao ex me irritaria também, é meio inevitável, né.

    ResponderExcluir
  16. Olá, nunca li nada da autora, mas tenho os livros.

    Adorei a sua resenha, pois me deu vontade de começar a ler e saber mais sobre os Maddox

    ResponderExcluir