2 de fevereiro de 2019

[Resenha] Desejar - Nina Lane

Olá pessoas!
Estou de volta com a história de um dos casais mais reais que tive a oportunidade de ler na vida. E como drama pouco é bobagem, estejam preparados para sofrer e se apaixonar ainda mais pela trajetória de Dean e Olivia. Mais uma vez Nina Lane prova que é possível construir um romance sensual e profundo dentro do gênero Erótico e trás uma história cheia de nuances e um enredo digno com cenas de tirar o fôlego sem os excessos que estamos acostumados a encontrar em obras do tipo. Uma trama composta por elementos envolventes dispostos na medida certa que tem me conquistado a cada novo título. Desejar é o segundo volume da série Espiral do desejo, composta por cinco livros e três contos já publicados no exterior.

Desejar (Allure)
Coleção: Espiral do Desejo #02
Autor (a): Nina Lane @ninalane
Publicação: Paralela *Cortesia
ISBN: 9788584391127 | Skoob
Gênero: Erótico +18
Ano: 2018
Páginas: 320
Minha avaliação: 4/5★
Amazon | Saraiva | Submarino
Depois de quase verem seu casamento destruído por mentiras e desilusões, Dean e Olivia retomam sua jornada mais unidos e apaixonados do que nunca. O professor de história medieval e sua amada esposa estão determinados a consertar os erros do passado e sabem que, para isso, terão que unir forças para derrubar barreiras erguidas ao longo de anos. Uma inesperada crise envolvendo os pais de Dean acaba, contudo, dragando-o de volta à espiral de culpa, ressentimento e amargura que marcou sua juventude. Tudo o que ele mais quer é proteger Olivia, mas, dessa vez, ela se recusará a cumprir o papel de esposa frágil e delicada. Ao lado de seu grande amor, Olivia enfrentará os mais terríveis fantasmas da família West — até mesmo os segredos escondidos a sete chaves.
No instante em que terminei a leitura de Despertar soube que, primeiro, Olívia ainda tinha muito para amadurecer e segundo, que o passado de Dean possuía marcas tão profundas quanto o da esposa. Este é o segundo livro de uma série e é através dele que podemos dar mais alguns passos rumo ao desconhecido e adentrar na intimidade e rotina diária de dois personagens super queridos enquanto eles lutam para construir uma vida em comum, então estejam preparados, em Desejar temos a oportunidade de conhecer e entender melhor os medos e receios que fazem parte da vida deste casal. Somos convidados a sonhar e torcer para que eles alcancem a estabilidade e a felicidade plena, mas também somos sacudidos por acontecimentos dolorosos e atingidos por decepções e angústias. Os componentes dessa ficção desafiam nosso senso de realidade, que é estimulado a cada virar de páginas e a cada cena que de tão bem escrita soa quase palpável. As provações continuam e os obstáculos estão maiores...

Após ter enfrentado a crise que quase destruiu seu casamento, Dean está ainda mais empenhado em proteger a mulher que ama e a relação que construíram juntos, mesmo que para isso ele precise deixar para trás as mágoas adquiridas recentemente. No entanto, vestir a armadura não será tão fácil dessa vez, depois de tudo que passaram Olívia está decidida a retomar sua força e lutar suas próprias batalhas, ela quer garantir que o marido saiba que ela não é tão frágil como ele imagina e dessa forma não se prive de compartilhar seus problemas com ela, além disso, sair da bolha de proteção na qual vive desde que conheceu Dean trará de volta sua autonomia e lhe mostrará que ela ainda pode contar consigo mesma sempre que preciso. Quando o pai de Dean é hospitalizado, Olívia decide acompanhá-lo na viagem, mesmo entendendo que não será bem recebida pela família dele, ela sabe que este é o momento em que poderá ser o porto seguro que o marido precisa e não se importa de enfrentar o que quer que seja para provar-lhe que ela também pode protegê-lo de suas dores.

Depois de conhecermos Dean e Olívia como casal, é hora de enxergá-los como indivíduos. Não tenho dúvidas de que eles se amem profundamente e que ambos desejam desesperadamente estarem juntos, mas no meio disso existem necessidades e desejos negligenciados, não por indiferença mas por excesso de cuidado e pelo medo da perda, ao mesmo tempo que isso pode ser considerado bonito, me soa triste. Dean está acostumado a lutar pelo que deseja, sua carreira em ascensão meteórica é resultado de muito trabalho e dedicação, e estar com Liv é um paraíso de batalhas diárias, ele ama louca e profundamente a esposa e não se importa de fazer o impossível para garantir sua felicidade e segurança, e por isso ele teme que seus problemas reabram as feridas que Olivia vem tentando cicatrizar, então ele se cala e a deixa de fora da parte ruim de sua vida. Dean está tão empenhado em ser o príncipe no cavalo branco que só proporciona alegrias e sorrisos, que não percebe o quanto esse excesso de proteção fragiliza a esposa. Tudo que Liv deseja é ser parte da vida do marido, ele sempre foi seu companheiro, amigo, confidente... E não poder retribuir da mesma forma tem abalado Olivia e estremecido sua relação.

Nesse volume fica evidente o quão pesada é a carga que Dean tem sobre os ombros, em parte porque ele possui uma necessidade descomunal de ser a barreira que protege incondicionalmente a esposa e em parte porque o castelo perfeito que ele construiu começa a ruir. Além de ter que lidar com uma grande perda pessoal, os conflitos conjugais e familiares, a doença do pai e uma culpa antiga, o professor de história medieval se depara com o risco de perder o emprego, quando sua credibilidade e seu profissionalismo são postos em xeque. Confesso que não esperava que as coisas dessem errado com tanta frequência e intensidade, e por isso acabei ficando penalizada por todos os desafios aos quais o casal foi submetido. Mesmo assim, entendo a importância de tais acontecimentos, que não só trouxeram realismo para a trama como comprovaram a veracidade dos sentimentos partilhados por Dean e Olivia. A evolução desta relação torna-se ainda mais nítida quando os observamos lutar com tudo que tem, não só pelo bem estar um do outro, mas também para se manterem juntos apesar das adversidades.

Desejar é comovente. Dessa vez vamos mais fundo na intimidade de Dean e Olívia e temos acesso amplo as suas limitações, sonhos e desejos. Os problemas enfrentados por eles são maiores e bem mais angustiantes que os do primeiro livro e consequentemente o amadurecimento do casal se torna mais evidente. Ambos possuem a necessidade gritante de desempenhar seu papel, mas para manter o relacionamento terão que aprender a ceder. Dean em sua ânsia de proteger sufoca, Olívia quer voar mas para isso terá que deixar o casulo aconchegante no qual foi envolvida. Limites serão desafiados para que outros tomem seus lugares. Um caminho cheio de obstáculos a ser percorrido, a estabilidade abalada, o receio crescente, o amor, ah! este segue inabalável. Uma trama apaixonante que trás a tona o melhor e o pior de se amar tanto outra pessoa, mostra a importância de se andar lado a lado com quem se ama e deixa claro que não importa o quão boa sejam as intenções, excessos são sempre demais. Na busca pelo equilíbrio esse casal vai mais uma vez ensinar que um casamento é feito de respeito, empenho, confiança e sobretudo amor.

16 comentários

  1. Oi! Menina eu amei esse livro justamente por causa que a gente conhece melhor os protagonistas como indivíduos, coisa que eu senti falta no primeiro livro. Aqui eu vi um amadurecimento sabe? Fiquei louquinha pra ver o último.
    Beijo!
    http://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Sabe que gosto muito quando a autora faz uma sequência mostrando os dramas e depois o que eles tem para melhorar e não somente aquela coisa que pá, de repente tudo fica lindo sabe? Acho que assim mostra a vida mais da forma como ela é.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Delmara!
    Já vi a capa desse livro muitas vezes e sempre a achei linda, no entanto percebo que eu tinha uma ideia totalmente diferente da história antes de ler a sua resenha. Não sabia que era o segundo livro de uma série e sempre achei que fosse um romance mais leve e adolescente. Como pude me enganar tanto? hahaha Ao ver que é uma história mais focada nos problemas da relação do casal, me parece realmente uma história muito mais realista do que eu imaginava. Não é um livro que me atraiu para a leitura, então dessa vez irei passar a dica, mas gostei muito da sua resenha. Beijos!

    Jéssica Martins
    castelodoimaginario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oii, tudo bem?

    Esse livro, assim como o primeiro, já estavam na minha lista de desejados desde o ano passado. Acho a história muito interessante, bem realista. Acho que vou me sentir muito conectada aos personagens. Vou adiantar logo esse livro na minha lista. Adorei sua resenha.

    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    O livro parece ter uma carga muito grande, pelo Dean carregar tantas coisas sozinho nos ombros, mas é bom saber que a Olívia abaixa a guarda para ajuda-lo e se fazer uma esposa presente.
    Não é o meu estilo de leitura, infelizmente o livro não me interessou, mas fico feliz que você tenha gostado!

    ResponderExcluir
  6. Sua resenha me intrigou já nas primeiras linhas. Isso porque tenho um certo pré-conceito acerca de romances eróticos. Não tenho muita paciência com eles, mas achei bem interessante o que você disse sobre a narrativa ser profunda. Não tenho certeza se lerei, contudo, anotei a dica.
    PS: a capa não é nada apelativa, outro ponto positivo da obra, para mim.

    ResponderExcluir
  7. Amei a resenha! Você acabou me deixando com vontade de conhecer a história!

    Li uma resenha sobre o primeiro livro faz vários meses já e lembro que cheguei a me interessar pela história, mas a parte erótica me desanimou. Agora estou pensando em reconsiderar e dar uma chance a série.

    Fico feliz em saber que o casal cresceu mais neste segundo volume, todavia lamento pelos problemas que estão enfrentando. Acho que superproteger alguém nunca é bom. Um relacionamento tem que ter confiança, dividir tudo, sejam as alegrias ou tristezas. Não dá para guardar apenas para si seus problemas e sentimentos. Senão o relacionamento tende a ruir. Só espero que o casal consiga superar tudo.

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Desde que saiu o livro dois eu não consegui pegar pra ler. Ver que a trama aborda mais o drama do casal e que Dean tem um grande fardo para enfrentar, me deixou bem intrigada. Espero que nesse livro as cenas eróticas estejam mais contidas, porque no primeiro livro foi bem cansativo de ler.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  9. O que eu acho bem interessante nas séries de livros é essa possibilidade que se tem de acompanhar o amadurecimento dos personagens. Não é o tipo de leitura que me agrada, mas devo admitir que sua resenha despertou uma certa curiosidade em mim a cerca do livro.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  10. Nunca li nada dessa autora, mas tenho visto muitos comentários bons sobre essa série. Por não ser muito fã de romances, acabando passando reto sobre essa história, mas pelas coisas que você comentou na resenha, pela forma como é trabalhado o romance, de forma mais real, eu realmente fiquei curiosa para ler.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura | Instagram

    ResponderExcluir
  11. Não sou a maior fã de romances, porém me interesso por histórias que tragam personagens próximos à realidade, com os dramas característicos e potencialidades de pessoas comuns.
    Não conhecia ainda este livro, mas me empolguei para lê-lo.

    ResponderExcluir
  12. Ola, Mara!

    Tenho visto muito desse livro por ai e confesso que tenho uma imensa curiosidade de conhecer essa história mais a fundo. Sua resenha está incrível e mostrou com maestria tudo que transpassou na obra, parabéns!Gosto e romances realistas e emocionantes. Principalmente quando vemos que há a evolução dos personagens!

    beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá Delmara, eu não conhecia esse livro e nem o primeiro, mas pelos seus comentários ele parece trazer um enredo bem trabalhado pela autora com diversos obstáculos na vida do casal principal *-* Vou ler a resenha do primeiro livro e quem saber dar uma chance para eles *-*

    ResponderExcluir
  14. Que livro fantástico!!! Fiquei muito interessado em lê-lo, pois parece ter ma história linda,comovente e intensa. Anotei a dica, pois estou com a curiosidade muito aguçada.

    ResponderExcluir
  15. Não conhecia nem a autora nem o livro, mas achei uma história muito boa de se ler. Adoro ler livros que você consegue ver a evolução do personagem. Fiquei bem curiosa para ver de perto essa evolução. E saber como que o casal vai conseguir superar toda essas feridas do passado.

    Adorei a sua resenha. Beijos

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Realmente esse livro parece ser um romance hot de tirar o fôlego, deu sentir isso só lendo sua resenha. Eu amo quando os personagens vão evoluindo, isso pra mim já é um ponto super positivo. Eu gosto de romances hot, apesar de achar alguns muito clichês, mas esse não parece ser o caso. Vou colocar na minha lista.

    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir