Resenha #07 A última música - Nicholas Sparks

quarta-feira, fevereiro 06, 2013

Resenha super bacana de um livro incrível. Espero que vocês gostem, porque eu simplesmente amei essa história. Para ler a resenha clique em Leia mais.

Titulo: A última música
Autor: Nicholas Sparks
Editora: Novo conceito
N° de páginas: 400 
Aos dezessete anos, Verônica Miller, ou simplesmente Ronnie, vê sua vida virar de cabeça para baixo, quando seus pais se divorciam e seu pai decide ir para a praia de Wrightsville, na Carolina do Norte. Três anos depois, ela continua magoada e distante dos pais, particularmente do pai. Entretanto, sua mãe decide que seria melhor os filhos passarem as férias de verão com o pai na Carolina do Norte. O pai de Ronnie, ex-pianista, vive tranquilamente na cidade costeira, absorto na criação de uma obra de arte que será a peça central da igreja local. Ressentida e revoltada, Ronnie rejeita toda e qualquer tentativa de aproximação do pai e ameaça voltar para Nova York antes do verão acabar. É quando Ronnie conhece Will, o garoto mais popular da cidade, e conforme vai baixando a guarda, começa a apaixonar-se profundamente por ele, abrindo-se para uma nova experiência que lhe proporcionará uma imensa felicidade - e dor - jamais sentida. Uma história inesquecível de amor, carinho e compreensão - o primeiro amor, o amadurecimento, a relação entre pais e filhos, o recomeço e o perdão.

Este livro conta uma história linda e emocionante (confesso que chorei muito). Ronnie é uma boa garota, doce e meiga que muda sua forma de agir após a separação dos pais. Ela se torna rebelde e rejeita de todas as formas as tentativas de aproximação de seu pai, pois ela o acusa de abandoná-la. Mas apesar de toda a revolta ela conserva a garota doce dentro de si, ela mantém uma boa relação com seu irmão caçula (na medida do possível rs).

Na tentativa de se reaproximar dos filhos Steve (Que para mim é um exemplo de homem incrível), resolve passar o verão com eles na pequena cidade praiana onde mora. Mesmo sabendo que não vai ser fácil lidar com a rejeição de Ronnie. Ele ama os filhos incondicionalmente e decide que este verão será inesquecível. 

Ronnie não entende o porque sua mãe e seu pai lhe impõe tamanha tortura, ela ama Nova York e não quer passar o verão inteiro em uma cidadezinha do interior com o pai que abandou ela e seu irmão e destruiu sua vida.

Para sua surpresa Ronnie conhece e se apaixona por Will um garoto diferente de todos que ela já conheceu, lindo, rico, popular, amável, humilde, e que retribui de forma genuína o sentimento. 

Então Ronnie descobre que o que poderia ser o pior verão da sua vida, torna-se o mais incrível (e triste), um verão onde ela teve oportunidade de amadurecer, de aprender com a vida e com os próprios erros. E viver uma linda história de amor. 

Ao se aproximar do seu pai Ronnie tem a oportunidade de rever suas opiniões e ações passando a demonstrar que apesar de tudo o que passou e fez nos últimos anos nunca deixou de ser a garota incrível que seu pai sempre soube que seria.

É uma história linda de amor e perdão, que me fez refletir os atos diários, as palavras ditas ou até mesmo as não ditas. Fez com que eu entendesse de forma clara que devemos amar intensamente e demonstrar esse amor todos os dias, aproveitando cada instante ao lado das pessoas que amamos. Me fez chorar por diversas vezes, não apenas de tristeza, mas também pela beleza do amor puro e sincero entre pai e filha.

Amei este livro em todos os sentidos, pretendo relê-lo em breve. Pois esta é o tipo de história à qual vale a pena lembrar pra sempre.

Perfeito

Confira Também

0 comentários