22 de agosto de 2017

[Resenha] A hora do lobisomem - Stephen King

Olá personas!
Tem algum fã do mestre do terror por ai? Com o tempo acabei tomando alguns autores como referência para certos gêneros literários, Colleen Hoover para romance contemporâneo, Julia Quinn para romance de época, Sidney Sheldon para romance policial e sem sombra de dúvidas Stephen King é o nome que penso quando o assunto é livros de terror mesmo sem ter lido nada dele até agora, fui alcançada por sua fama, então é claro que fiquei curiosa e quis conferir pelo menos uma de suas obras mas admito que sou covarde e por medo de me decepcionar acabei procrastinado a leitura muito mais do que queria e devia, afinal baseada em inúmeras críticas positivas que andei lendo ao longo dos anos acabei idealizando obras além da perfeição. Porém, obviamente eu não poderia adiar algo do tipo por mais tempo, e aproveitando as oportunidade que a vida nos dá dei o primeiro passo rumo a uma nova paixão. A hora do lobisomem me conquistou completamente e me proporcionou uma leitura de reconhecimento deslumbrante. 

A hora do lobisomem (Cycle of the Werewolf)
ColeçãoBiblioteca Stephen King
Autor (a): Stephen King
Publicação: Suma de Letras (Cortesia)
ISBN: 9788556510402 | Skoob
Gênero: Terror +16
Ano: 2017
Páginas: 152
Avaliação: 4/5★
UMA CRIATURA CHEGOU A TARKER’S MILLS. A HORA DELA É AGORA, O LUGAR DELA É AQUI. O primeiro grito veio de um trabalhador da ferrovia isolado pela neve, enquanto as presas do monstro dilaceravam sua garganta. No mês seguinte, um grito de êxtase e agonia vem de uma mulher atacada no próprio quarto. Agora,a cada vez que a lua cheia brilha sobre a cidade de Tarker’s Mills, surgem novas cenas de terror inimaginável. Quem será o próximo? Quando a lua cresce no céu,um terror paralisante toma os moradores da cidade. Uivos quase humanos ecoam no vento. E por todo lado as pegadas de um monstro cuja fome nunca é saciada. Um clássico de Stephen King,com as ilustrações originais de Bernie Wrightson.
Antes de tudo quero agradecer a Suma pela Biblioteca Stephen King, uma coleção que trará nada mais nada menos que os livros mais raros do mestre do terror. Cujo e A hora do lobisomem, respectivamente primeiro e segundo livros da coleção, são obras que até pouco tempo atrás dificilmente poderiam ser encontradas para aquisição, mas graças ao trabalho do Grupo companhia das letras e mais especificamente do selo Suma de Letras, responsável pela publicação dos livros do autor no Brasil, a realidade agora é outra. A hora do lobisomem foi publicado originalmente nos anos oitenta e por volta de 1985 foi adaptado como Bala de prata para as telinhas, esse foi sem sombra de dúvidas um dos maiores sucessos da época que agora retorna revestido por uma edição magnífica, com direito as ilustrações originais de Bernie Wrightson e uma capa dura cheia de detalhes incríveis (o lobo é entalhado em alto relevo extremamente realista), entre outras coisas. Eu estou nas nuvens com a oportunidade de conhecer o trabalho do King através de uma obra tão especial como esa, a lisonja é gigantesca e a satisfação imensurável.


Ataques misteriosos estão aterrorizando os moradores de Tarker’s Mills, após a primeira noite de lua cheia de cada mês um morador é encontrado estraçalhado, os ataques aleatórios levam a crer que uma fera sobrenatural está a solta e embora nem todos os habitantes da até então pacata cidade se permitam crer que um lobisomem é o responsável pelas mortes, o pânico é geral e vem se intensificando a cada nova vitima encontrada, de janeiro a dezembro várias pessoas morrem, mas um sobrevivente improvável passa a ter em suas mãos a possibilidade de desvendar o mistério que vem aterrorizando a todos. A cidade está refém de uma criatura cruel e insaciável, e quando a lua cheia surge alta no céu é possível ouvir seus uivos assustadores, quase como gritos humanos, um som que paralisa e assombra e que pode estar com os dias contatos.



Estou maravilhada com a escrita do autor, foram alguns anos de expectativas altíssimas e uma ansiedade considerável até eu finalmente poder ter em mãos uma obra com a marca Stephen King e acredito que não poderia ter começado melhor, diferente do que eu imaginei este livro é bem leve, uma trama composta por mais suspense que terror, sempre acreditei que as obras do king eram do tipo que assombram e tiram o sono, não sei quanto aos outros título mas esse definitivamente não é assim, não tenho problema nenhum com terror pesado mas admito que gostei de ter começado com algo mais suave. Uma trama bem amarrada e dinâmica que me ganhou desde a primeira página. O livro possui uma narrativa calendário, onde cada capítulo descreve de forma sucinta acontecimentos relacionados aos ataques de cada mês no período de um ano, por se tratar de um livro curto a narrativa é direta e sem muitos detalhes mas nem por isso menos completa. O autor é claro ao descrever a carnificina provocada pelo lobisomem e se isso por si só já não fosse o bastante para povoar a nossa mente com tais imagens eis que somos presenteados com o complemento visual oriundo das ilustrações de Wrightson, detalhe que eu amei inclusive.


A hora do lobisomem é uma leitura rápida e leve para os padrões do gênero (e acredito que do autor também), uma história que mostra o "lobisomem raiz" onde não há romantização da figura e muito menos de suas ações, descreve a fera incontrolável que age guiada por instintos sombrios sem se importar com quem será a próxima vítima. Este livro destoa quase que completamente das obras contemporâneas que abordam a mesma temática, o clássico de Stephen King deve ser lido por todos aqueles que são fãs de suas obras, de histórias cruas, rápidas e sem enrolações e por aqueles que assim como eu desejam conhecer a escrita do autor e se aventurar por suas histórias, estes últimos não devem ter receio algum, pois como já disse antes o enredo arremete muito mais ao suspense do que ao terror propriamente dito. Sem sombra de dúvidas este é o primeiro de muitos livros que pretendo ler do autor, inclusive já me propus a montar minha coleção e obviamente darei uma atenção especial as obras raras que compõem a Biblioteca Stephen King

16 comentários

  1. Oi! Realmente é um autor muito elogiado. Para quem é fã do gênero é uma boa pedida. Bjos ❤

    Click Literário

    ResponderExcluir
  2. Ola
    Conheço várias obras do autor e sei o quanto suas obras são bem desenvolvidas, porém ainda não tinha conhecimento deste titulo, por isso fiquei bem curiosa diante desta premissa. Imagino mesmo que seja uma leitura rápida, não somente pela quantidade de páginas, mas por não haver essa romantização ao qual você comentou. Obrigada pela recomendação!
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  3. Oi tudo bem?
    Vejo os inúmeros fãs Stephen King mas sempre que leio alguma premissa de um livro dele eu não sinto vontade de ler, acredito que por ele não escrever meus gêneros literários mas para quem gosta parece ser uma boa dica.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi, Del!
    Menina, não sabia desse projeto Biblioteca King.
    Ele também é, pra mim, referência do gênero, apesar de ter me decepcionado um pouco com seu último livro.
    Esse ainda não li, mas já quero. Adorei esse lobisomem ser aquele lobisomem raiz mesmo hahahaha
    Beijos
    Balaio de Babados
    Concorra ao livro Depois do Fim autografado

    ResponderExcluir
  5. Oi, Delmara!
    Ainda não tive coragem de ler Stephen King! hihihi
    Morro de medo de livros de terror e sei que ele capricha, não apenas no terror sobrenatural, mas como no terror psicológico. Fiquei tentada em começar com A hora do lobisomem, porque vi que a edição está super caprichada - e livros assim a gente tem muito gosto de folhear, não é mesmo? rsrs Mas os livros do King não são minha área, então eu passo direto para minha amiga. Quem sabe um dia?
    Bjos!
    Por essas páginas

    ResponderExcluir
  6. Gosto do autor por causa disto, que ele sabe criar a questão da história de terror bem terror mesmo, mas eu me lembro de um filme assim e não sei se foi baseado nisto. Adoro filmes antigos sobre lobisomens, mas acho que ler algo do tio King é algo mais complexo.

    Greice

    Blogando Livros

    ResponderExcluir
  7. Olá Delmara,
    Li esse livro esse mês e adorei a leitura. Também achei ele mais leve do que imaginava. Gostei muito de saber o que o lobisomem faz e me surpreendi quando vi quem era o responsável por tudo o que estava acontecendo. As ilustrações também são incríveis. Ler sua resenha deu uma baita vontade de reler tudo.
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  8. Parece que a ada semana, só aumentam os fãs do King rs Ainda não li nada do autor, mas só essas imagens ja foram de gelar o sangue, não sei se escolheria esse para iniciar. Mas pretendo ler algo dele em breve. Bjs, Tell me a Book

    ResponderExcluir
  9. Olá Delmara,
    Meu Deus essas ilustrações são LINDAS!!!

    Devo confessar, nunca li nada do Stephen King. Ok, me julgue.
    E com certeza após sua resenha vou começar por esse livro. Infelizmente não tenho ele físico e se eu ler pelo Kindle vou perder essas belíssimas ilustrações :(
    Já que gosta do mestre do terror, poderia me recomendar outro livro do gênio? Eu ia ler It, A Coisa mas suas mais de mil páginas me assustaram.

    Parabéns pela resenha.
    Um grande beijo.

    ResponderExcluir
  10. Que resenha maravilhosa! Adorei conferir sua opinião sobre esse livro <3 Stephen King é também o primeiro nome que penso quando o assunto é terror, e não é para menos, já que ele é considerado o mestre do gênero. Nunca li nada dele, mas pretendo mudar isso logo!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Olá tudo bem?
    Achei o livro bem interessante e saber que a obra foi bem desenvolvida pelo autor despertou meu interesse. Fiquei curiosa para saber será o desenrolar da história.

    beijinhos!

    ResponderExcluir
  12. Olá...
    Adorei sua resenha!
    Ainda não conhecia essa obra, mas, pelos seus comentários vejo que é uma obra encantadoraa! Adorei a premissa, o livro possui elementos que me agradam muito em uma leitura e, é claro, quero multo ler! Fico feliz que a obra tenha sido bem desenvolvida, pois, isso é essencial pra mim <3
    Dica anotada!
    Bjo

    ResponderExcluir
  13. Engraçado falar isso, mas tenho medo do Stephen King.
    Não sei... Acho que ele é muito louco e os livros dele são pavorosos! Kkkkkk
    Mas eu li sua resenha e adorei sua escrita!
    www.manuscritoliterario.com.br

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Eu amo as obras do Stephen King e também fiquei maravilhada quando a Suma de Letras começou a publicar as raridades do autor. Eu quero ler esse livro pra ontem, ainda mais por ser curtinho pois vou intercalando com os grandões. Acho que o mais curto que li do autor foi Carrie, a estranha.
    Não fico impressionada que você tenha se arrebatado com a leitura, King é, realmente, fenomenal.
    Abs e parabéns pela resenha ^^

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não li nada do Stephen King, mas tenho muita curiosidade, por isso sempre que vejo dicas dessas obras mais curtas do autor, eu fico realmente bem animada. Bom, eu ainda não tinha lido nada sobre essa obra e embora não seja lá muito fã de histórias sobre lobisomens, eu fiquei curiosa para conferir o desfecho da história e gostei muito de ter ilustrações na obra.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Realmente essas edições que a suma está lançando do King estão simplesmente MARAVILHOSAS.
    Adorei saber que essa é uma história bem clássica de lobisomem, sem romances ou firulas para humanizar ele, saudades de autores que escrevem assim rsrsrs
    Adorei também as ilustrações, são incríveis

    ResponderExcluir