1 de fevereiro de 2016

Resenha #167 A primeira chance - Abbi Glines

Olá galerinha!
Já faz alguns dias que terminei a leitura desse livro, mas estava sem tempo de resenhá-lo, o que acabou sendo bom já que tive tempo para pensar direitinho em tudo que descobri até aqui.

Titulo: A Primeira Chance (Chance #01)
Autor(a): Abbi Glines
Editora: Arqueiro
N° de páginas: 224
Quando o pai roqueiro de Harlow Manning sai em turnê, ele a envia para Rosemary Beach, na Flórida, para viver com sua meia-irmã Nan. O problema: Nan a odeia. Harlow tem que manter a cabeça para baixo, se ela quer passar os próximos nove meses em paz. Isso parecia ser fácil... Até que o lindo Grant Carter sai do quarto de Nan. Grant cometeu um grande erro em se envolver com uma garota com veneno nas veias. Ele sabia sobre a reputação de Nan, mas ainda sim não conseguiu resistir a ela. Nada faz ele se arrepender da aventura mais do que seu encontro com Harlow, que o deixa com o pulso acelerado. No entanto, Harlow não quer ter nada a ver com um cara que poderia se apaixonar por sua meia-irmã malvada. Mesmo não existindo amarras entre Grant e Nan. Grant está desesperado para se redimir aos olhos de Harlow, mas ele arruinou suas chances com ela antes mesmo de conhecê-la.

Não é segredo que eu amo os livros da Abbi Glines, com uma escrita envolvente a autora me conquistou a primeira lida. Claro que quem está em busca de histórias profundas e complexas irão demonstrar certo descontentamento, já que a principal característica dos livros publicados é justamente sua simplicidade e previsibilidade. São livros clichês, cheios de acontecimentos e que apresentam personagens cujas personalidades apesar de pouco desenvolvidas, são marcantes e cativantes. Sendo assim, Rosemary Beach é uma série que cumpre bem o papel de entreter o leitor que está em busca de uma leitura rápida e viciante.

Quem acompanha a série já conhece bem Grant e sabe nem que seja um pouco a respeito de Harlow. Ambos são opostos extremos que se viram atraídos após um olhar apenas. Desde o inicio Abbi tem trabalhado livremente com casais improváveis, esse no entanto, assume o topo da lista no ranking de opostos. Harlow é doce e apaixonante, filha do astro do rock Kiro Manning, viu sua vida mudar completamente após perder a avó que lhe criou desde a morte de sua mãe, quando ainda era um bebê, ela então se viu obrigada a habitar o mundo do pai que apesar de alheio na maior parte do tempo, sempre demonstrou um carinho especial pela filha. O fato de estar tão diretamente ligada a alguém tão famoso fez dela uma mulher extremamente cautelosa com relação as pessoas que a rodeiam, por medo de ser usada como uma ponte até Kiro, Harlow tornou-se silenciosa e invisível. Já Grant é um espirito livre e amável, jamais se permitiu sequer pensar em um relacionamento que durasse mais que uma noite, com pais ausentes, encontrou em Rush Finlay a família que sempre precisou, essa relação com o irmão de consideração sempre havia lhe bastado, até conhecer Harlow. Juntos, desenvolveram uma amizade agradável e aconchegante, compartilharam momentos e cultivaram algo mais. Um sentimento mais profundo e assustador. Ela confiou nele e lhe deu a chance de fazer parte de sua vida. Ele se viu encurralado entre esse sentimento e o medo perdê-la. Eles terão que superar diversos obstáculos até finalmente poderem estar um com outro como tanto almejam. A chance foi dada, cabe a ambos usá-la para finalmente encontrar o verdadeiro amor.

O magnetismo da escrita da Abbi é o ponto alto de todos os livros até aqui, capaz de inserir o leitor em suas histórias com uma facilidade assustadora e nos fazer vislumbrar e almejar mais e mais desses personagens e cenários. A primeira chance é permeado por um drama sedutor que faz com que não desejemos largar o livro antes do seu desfecho. Personagens queridos que retornam de outras histórias e se fazem presentes, bem como outros tantos que surgem conquistando seu lugar no enredo e no coração do leitor. O ar misterioso que já estamos acostumados, está ainda mais presente nessa trama, nos presenteando com um segredo surpreendente e inesperado. Em nenhum momento sequer passou pela minha cabeça que Harlow poderia estar escondendo algo tão crucial, após o choque inicial me vi solidária a dor da jovem protagonista que trás dentro de si uma força e uma coragem que poucos conhecem. Mais uma vez Abbi me convenceu e conquistou.

O fato de Grant se achar imperfeito e inapropriado, bem como a ênfase que o mesmo deu a um medo compreensível, porém demasiado bobo, me incomodou e decepcionou. Confesso que vê-lo tão inseguro e vulnerável não era bem o que eu estava esperando. Apesar de ter me chateado um pouco com os personagens que protagonizaram esse livro, não desanimei e pretendo continuar a leitura da série. A primeira chance é o primeiro livro da duologia Chance e o sétimo da série Rosemary Beach

14 comentários

  1. Já quero ler! Os livros da Abbi são ótimos embora eu ache os personagens rasos. Mas é perfeito para passar o tempo. Excelente resenha. Beijos.
    http://www.lostgirlygirl.com

    ResponderExcluir
  2. Oii, tudo bem?
    Eu tenho ouvido ótimas criticas a respeito desse livro. Eu já conheço a escrita da Abbi, pois já tive a oportunidade de ler a primeira trilogia da série, e confesso que fiquei apaixonada. Mas, por falta de verba eu acabei não comprando os outros livros da série, mas eles com certeza estão na lista, e o Primeira Chance é o que eu mais quero ler.

    ResponderExcluir
  3. Oi Delmara, ao contrário de você, eu detesto os livros da Abbi Glines. li até o Simples perfeição e odiei de morte o que ela fez com um dos meus personagens do coração. Não curto as mocinhas, mimizentas demais e os mocinhos, mega sufocantes. Enfim, eu não tenho curiosidade para ler mais nada dela. Quando a história do Grant foi inserida no último da trilogia sem Limites, achei bem artificial e nem me interessei. Mas pra quem curte a autora, ela é uma máquina de escrever não é? Muitos livros na série Rosemary Beah.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá Delmara,
    Eu gosto muito dos livros da Abbi justamente pela forma como nos envolvemos com a história e lemos rápido.
    Infelizmente, A Primeira Chance é um livro que não desperta minha curiosidade, justamente, por não gostar muito do Grant.
    Apesar disso, gostei muito da sua opinião e achei muito válida. Se um dia vier a ler, espero gostar.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu nunca li nenhum livro da Abbi, e pelas características que você citou fiquei com menos vontade ainda de ler. Já não sou muito fã de romance. Muito clichê e previsível então. Tenho certeza que seria uma leitura para me entediar.
    Fica para uma próxima dica
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  6. Não curto muito histórias previsíveis nem personagens pouco desenvolvidas, apesar de marcantes. É uma pena que você, que curte tanto a saga, acabou se chateando com os protagonistas desse livro. Que bom que isso não te desanimou. Não tenho nenhuma vontade de ler, principalmente por ser uma saga enorme que engloba várias séries pequenas.

    Beijo.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Nunca li nada da Abbi. Esse tipo de livro não me atrai muito e por esse motivo eu não a conhecia. Não curto muito estórias cheias de romance e drama com clichês, acontecimentos previsíveis e coisas típicas desse tipo de história. Infelizmente eu não leria mas para quem gosta, é um prato cheio, né?
    Ótima resenha.
    Abraços!
    http://blogladoescuro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá

    Eu já tentei ler essa série,mas não rolou, não sei se foi porque não li numa época boa,mas acabei abandonado e olha que gosto de New Adult,mas durante um tempo eu li tantos livros assim,que agora eu meio que tô dando um tempo pra ler outros gêneros.

    Bjss

    ResponderExcluir
  9. Sempre curti a escrita da Abbi mas não como ela trabalha esses clichês, Estranha Perfeição foi a gota d'agua para mim e resolvi largar a série, mesmo tendo gostado dos rumos da trilogia Sem Limites. Não gostei dessa do Grant estar meio vulnerável e inseguro pois ele é meu "bebê" da série.

    http://deiumjeito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Fui com muita sede ao pote para ler esse livro, pois como você eu sou fã da autora, mas me decepcionei bastante. Achei o relacionamento de Harlow e Grant o mais forçado até agora. Não gostei deles MESMO. E pior que o Grant foi meu crush da serie durante algum tempo kkk. Enfim, irei ler o segundo, mas sem muitas expectativas :D
    Adorei a resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Ler tantas resenhas positivas sobre os livros dessa série me deixam aflita por ainda não ter iniciado nem o primeiro. Eu adoro muito esse tipo de história, só faltou tempo mesmo. E pelo jeito os personagens são muito cativantes, gostei!
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  12. Eu nunca li nenhum livro da Abbi, e pelas características que você citou fiquei com vontade de ler. Amo livros de romance, com clichês e previsíveis. É uma ótima dica para quem quer sair de uma ressaca literária. ;)

    beijos
    http://viajandoentrecitacoes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    Vivo um caso de amor e ódio com a série Rosemary Beach, os primeiros livros de cada série (Sem Limites e Perfeição) foram incríveis, mas não posso dizer o mesmo de suas continuações. Porém, o Grant é meu personagem favorito, e gostei da Hallow, então estou curiosa e receosa ao mesmo tempo.
    E também quero saber como a Abbi vai abordar a bomba que ela soltou em Simples Perfeição, sobre o Tripp (que é meu outro amorzinho <3).

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Definitivamente esse não é o tipo de leitura que me atrai. Já tentei ler alguns livros do gênero, mas infelizmente não foram boas experiências. Você é a primeira pessoa que vejo falando algo não totalmente positivo sobre o livro. Até então, só via elogios rasgados sobre a obra. Isso me fez ter menos vontade ainda de lê-lo. Mas fico na torcida, que mesmo o protagonista te deixando chateada, que o próximo livro seja perfeito pra você.

    ;D
    Profissão: Leitora

    ResponderExcluir