16 de setembro de 2014

Resenha #147 A seleção - Kiera Cass

Olá pessoal! Finalmente consegui trazer a resenha desse livro para vocês, deixei para lê-lo depois do lançamento de todos os volumes da trilogia, o que não mudou muita coisa, já que a trilogia virou série e terei que esperar assim como todos os próximos volumes serem lançados, o que por hora é uma coisa boa já que me apeguei bastante a esses personagens e não gostaria de dizer adeus tão cedo. Sem mais delongas vamos a primeira resenha da trilogia A seleção.

Título: A Seleção (A seleção #01)
Autor(a): Kiera Cass
Editora: Seguinte
N° de Páginas: 368
Para trinta e cinco garotas, a “Seleção” é a chance de uma vida. Num futuro em que os Estados Unidos deram lugar ao Estado Americano da China e mais recentemente a Illéa, um país jovem com uma sociedade dividida em castas, a competição que reúne moças de dezesseis e vinte anos de todas as partes para decidir quem se casará com o príncipe é a oportunidade de escapar de uma realidade imposta a elas ainda no berço. É a chance de ser alçada de um mundo de possibilidades reduzidas para um mundo de vestidos deslumbrantes e joias valiosas. De morar em um palácio, conquistar o coração do belo príncipe Maxon e um dia ser a rainha. Para America Singer, no entanto, uma artista da casta Cinco, estar entre as Selecionadas é um pesadelo. Significa deixar para trás Aspen, o rapaz que realmente ama e que está uma casta abaixo dela. Significa abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa ferrenha por uma coroa que ela não quer. E viver em um palácio sob a ameaça constante de ataques rebeldes.

Em um futuro distópico, existe um novo país denominado Iléa, oriundo dos Estados Unidos que deixou de existir após a quarta guerra mundial. Com a monarquia novamente no poder a população foi dividida em um total de oito castas, que designam a profissão e posição na sociedade que cada um ocupará durante toda a sua vida, salvo algumas poucas exceções. Quanto maior o número da casta, mais baixa será a posição social. A Um é composta pela realeza, que tem por tradição realizar o casamento do príncipe herdeiro com uma plebeia, para isso é realizado um concurso no qual todas as garotas (não importa a sua casta) podem pleitear uma vaga e ter a chance de se tornar a futura rainha de Iléa.

America pertence a casta cinco, a casta composta pelos artistas, apaixonada por Aspen, um seis, a jovem sonha com o dia em que poderá viver livremente ao lado do amado, fato que não é permitido devido a burocracia atribuída a casamentos entre integrantes de castas diferentes, quando trata-se de uma garota pretendendo casar-se com um jovem de casta inferior as possibilidades praticamente se anulam. Ao receber uma carta a convocando para participar da Seleção, a jovem se vê extremamente divida, apesar de desaprovar completamente o concurso e não almejar se tornar a futura esposa de um completo estranho America precisa pensar nos benefícios que sua participação trará para sua família. Acreditando não haver chance alguma de ser selecionada America se inscreve no concurso. Mas, para surpresa da jovem é anunciado em rede nacional de Iléa que America Singer é uma das 35 selecionadas e lutará pelo coração do príncipe Maxon.

Li diversas resenhas a repeito dessa ex trilogia e desde o principio tive a impressão que amaria ler as obras da Kiera, essa constatação não se deu apenas devido aos milhares de elogios que li, claro que esse foi um fator relevante, mas não o principal. O livro é um encanto completo, desde a capa magnífica ao enredo bem estruturado, trata-se de um romance clichê que lembra os já tão conhecidos contos de fadas, mas apesar de previsível e comum me conquistou completamente. Não entrei no livro de cabeça sem ter no mínimo o receio de a estória ser massante e repetitiva, mas felizmente foi o contrário. O livro me proporcionou uma leitura prazerosa, atribuo boa parte do mérito a escrita dinâmica e viciante da autora que tornou possível lê-lo em apenas algumas horas.

Os personagens carismáticos foram a cereja do bolo. América com toda a sua rebeldia e impulsividade deu um "Q" a mais a estória, me diverti muito com as coisas que a garota falava e fazia, compartilhava de seus anseios e questionamentos e por fim torcia por seus encontros com o príncipe Maxon, nesses momentos ocasionais tive uma dose extra de diversão e encantamento. Claro que o encantamento foi proporcionado pelo jovem príncipe, que apesar de aparentar certa imaturidade demonstrou nitidamente carregar um fardo extra graças ao pai intransigente e repugnante. Aspen por sua vez me deixou dividida, conclui a leitura sem saber ao certo o que achar do rapaz, embora não desgoste do personagem, não creio que irei aprovar o seu papel daqui para frente.

O fato do enredo ter abordado questões sociais importantes como a divisão desproporcional dos recursos entre as castas também me agradou bastante. Não sou muito fã de questões políticas, mas quando vemos um nível de desigualdade tão gritante entre habitantes de um mesmo país é impossível não querermos mudanças imediadas. E quando se tem governantes indiferentes ao grito de socorro do povo é inevitável não torcer por aqueles que anseiam e batalham por mudanças. Essa abordagem proporcionou a estória ação e um dinamismo maior ainda.

A estória é envolvente e atraente, a escolha certa para quem está em busca de relaxar com uma leitura rápida e fluida. Ao encerrar A seleção eu só conseguia pensar em ler A elite e agradecia silenciosamente a todos que me aconselharam a ter os três livros antes de iniciar a leitura, sendo assim fechei este livro e no instante seguinte estava com o próximo volume em mãos. A essa altura do campeonato acredito que vocês não tem dúvida alguma do quanto me tornei fã dessa série e de quebra dessa autora.

Muito Bom

17 comentários

  1. Oie,
    eu tenho este livro autografado!!!
    Adoro esta série. Você vai adorar os próximos livros.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  2. Também sou fã desta série! A Kiera tem a capacidade de nos prender completamente com sua escrita e nos fazer apaixonar por Maxom! Que príncipe é aquele?!?

    Beijinhos!
    citacaonumclick.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. já vi hoje 2 vezes a resenha desse livro acho que é um sinal pra eu ir correndo comprar haha! tô louca pra ler!

    byanak.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Comprei esse livro pra dar de presente pra uma amiga, ela me pediu de aniversário, mas quase não consegui entregar pra ela. Agora quero comprar ele pra mim!

    Beijos

    Raíssa Martins - O Outro Lado da Raposa
    Facebook
    Twitter

    ResponderExcluir
  5. Casta inferior, superior, estou gostando da resenha, mas realmente dá um gostinho de quero mais, quando tem continuação né linda? rsrsrs
    Flor tem post novo, poderia me visitar?
    magrafelizpensa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Esse livro é legal, serve como entretenimento, mas tem várias falhas e uma protagonista muito chatinha. Também dei 4 estrelas.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, Delmara!
    Estou mais animado agora após ler sua resenha. Como você viu, já ganhei a trilogia completa.
    Acredito que seja um livro divertido e fofo mesmo. Possivelmente gostarei. O que me deixa receoso é o triângulo amoroso.
    Gostei de saber sua opinião.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  8. Eu adorei a serie. E amei em saber que vai ter mais. podem dizer o que quiser da America, mas gosto muito dela e o Maxon é maravilhoso. Quem é apaixonada por contos de fadas como eu, não tem como não gostar.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  9. Mais uma resenha do livro que leio e eu ainda não iniciei a série. :/
    Desse jeito vou ser a única que não li mesmo. rsrs
    Ansiosa para ler, espero não me decepcionar depois de tantos elogios.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  10. Engraçado, não gostei tanto dos livros, achei-os pouco grandiosos (e é sempre isso que espero de distopias). Porém, conheci a autora quando ela veio em minha cidade e o livro subiu o patamar, sabe? Ela é super simpática e fofa! Tem até um post no blog sobre isso! De qualquer forma, ainda é uma leitura divertida :)

    Clara
    @clarabsantos
    clarabeatrizsantos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. oie Del
    A Seleção é um empolgante início de série. Eu amei. A Elite é ainda mais vibrante. Essa trilogia mora no meu coração. E pensar que a paixão começou por essa capa
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Del!
    Eu demorei mil anos para ler essa série e quando comecei fui emendando um livro no outro. Amei demais! <3
    A Seleção é muito amor. Lembro que comecei a ler e me apaixonei por Aspen. Logo depois, me apaixonei por Maxon e não sabia mais quem era o meu preferido. rs Achei esse primeiro volume muito bom, é meu preferido dos três. <3
    Beijocas
    Coisas de Meninas

    ResponderExcluir
  13. Oie, tudo bom?
    Eu também gostei bastante dessa série e a escrita da Kiera é muito dinâmica. Os livros são praticamente devorados porque a história é muito instigante e gosto bastante da forma com que ela misturou universo distópico com contos de fadas. Depois quero ler sua opinião sobre a America em A Elite.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Deeeeel!
    sabe que não é novidade dizer " já li muito a respeito desse livro"
    mas nada me faz lê-lo!
    confesso que sua resenha me deixou mais curiosa, principalmente sobre essa abordagem das diferenças sociais!
    quem sabe nao dou uma chance?

    Um beeijo Lara.
    Blog Meus Mundos no Mundo | | Página Coração Furta-Cor

    ResponderExcluir
  15. Hello, Delmara! Bom, você expressou muito bem o que você identificou nessa ex trilogia! KKKK' E você ter comprado todos os livros antes de iniciar a série foi uma boa! Aconselho que lei o Contos da Seleção antes de entrar em A Escolha, porque é muito útil! Eu curti muito essa série, embora eu seja homem, mas o final não me agradou. Mas não vou dar SPOILER ainda que você ama eles. KKK'

    http://gabryelfellipeealgo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi Delmara!!

    Pois é felizmente ou infelizmente A seleção se transformou em série, e eu acho justo particularmente porque o terceiro livro não me agradou muito! O primeiro é o melhor na minha opinião, adoro este primeiro livro. A série é legal, mas está longe de ser minha favorita ou algo do tipo! A escrita da autora tem que melhorar ainda e ela deixa muitas coisas soltas!

    Mas ela é uma fofa e adorei conhece-la quando tive a oportunidade! Sempre recomendo pra quem busca uma leitura leve e fofa apesar de ser distopia o.o

    Muito boa sua resenha,gostei muito!! Beijo!!

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Delmara eu sou mega fã da série hahaha então só tenho elogios, ainda mais para o primeiro livro da série, onde somos apresentados para toda esta loucura!

    Team Maxon!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir