Resenha #76 Veneno - Sarah Pinborough

novembro 18, 2013
Hoje trago para vocês a resenha de Veneno, um conto de fadas contado de uma forma que você jamais leu antes. Com um enredo fascinante e envolvente, essa versão adulta de uma dos contos de fadas mais conhecidos irá te deixar sedento por devorar suas páginas. Espero que vocês gostem.!

Titulo: Veneno
Autor(a): Sarah Pinborough
Editora: Única
N° de páginas: 206
Veneno é a prova de que contos de fadas são para adultos! Não existe “Felizes para sempre”! Você já pensou que uma rainha má tem seus motivos para agir como tal? E que princesas podem ser extremamente mimadas? E que príncipes não são encantados e reinos distantes também têm problemas reais? Então este livro é para você! Em Veneno, a autora Sarah Pinborough reconta a história de Branca de Neve de maneira sarcástica, madura e sem rodeios. Todos os personagens que nos cativaram por anos estão lá, mas seriam eles tão tolos quanto aparentam? Acompanhe a história de Branca de Neve e seu embate com a Rainha, sua madrasta. Você vai entender por que nem todos são só bons ou maus e que talvez o que seria “um final feliz” pode se tornar o pior dos pesadelos! 

Branca de Neve perdeu a mãe muito cedo e desde então vivia no palácio apena com o seu pai. Porém o rei casou-se novamente, com uma mulher mais jovem. Essa mulher é Lilith a rainha má, ela não suporta ter Branca de Neve por perto, para ela a jovem deveria casar-se logo e partir para bem longe. É insuportável para Lilith ver o amor que o rei e o povo dedicam a Branca de Neve, que para eles é tão perfeita e boa. E se isso não bastasse, ela ainda tem que ouvir diariamente do seu espelho mágico que Branca de Neve é a mais bela do reino, isso é extremante incomodo aos ouvidos da jovem rainha que sempre foi a mais bela, onde quer que estivesse. Ela considera enteada uma rival, a qual não poupará esforços para tirar de seu caminho.

Lilith vê sua oportunidade se formar quando o rei parte para a guerra. Agora soberana sob o reino ela não exita em tomar suas providências. Realiza um baile cheio de pompa e convida os príncipes mais belos do reino, sendo assim seria inevitável que Branca se casasse e partisse logo. Mas a jovem de espirito livre não tem o casamento em seus planos, pelo contrário ela gosta da vida livre do campo, de montar em seu alazão com suas calças de montaria, de visitar seus amigos anões na floresta e nadar completamente nua no rio, esta jovem princesa, não conhece o pudor isso é um fato, mas sua bondade não tem limites, fazendo que ela não consiga enxergar o quando a madrasta a odeia e quer se ver livre dela, então Branca realiza uma brincadeira no baile magnifico, acabando com as esperanças da madrasta de casa-la com qualquer um dos príncipes presentes.

Como medida desesperada a rainha encomenda a morte da entada a um jovem caçador forasteiro, tal homem se encanta pela princesa e a deixa partir, pagando um preço cruel pelo seu ato. Por fim Lilith conta com a ajuda de sua bisavó para amaldiçoar a princesa.
Lilith pegou a maçã, deu uma mordida e mastigou a poupa crocante e fresca na esperança de que limpasse os restos amargos de ódio que enchiam sua boca. - Então quero que ela durma até que um beijo de amor verdadeiro a desperte.
Branca cai em um sono profundo e vulnerável, a espera do seu amor. Um príncipe ferido encontra seu caixão de cristal na floresta e apaixona-se perdidamente pela princesa tão bela e serena que dorme tranquilamente. Será esse o amor verdadeiro da jovem princesa?? Ela finalmente despertará e viverá o seu felizes para sempre? E o príncipe aceitará Branca com todas as suas particularidades?

Veneno é totalmente diferente do que eu imaginei, acabou que sendo uma leitura inesperada. Imaginei que a rainha seria boazinha e que Branca seria chata e mimada. Mas não é bem assim, a rainha vem de uma linhagem de bruxas, rejeitada pelo pai que a deu em casamento a um rei, bem mais velho que ela, a jovem Lilith não consegue despertar o amor dos que a cercam e acredita que só lhe restou transmitir o medo em troca do respeito tão almejado. Branca de Neve por outro lado nem de longe é uma jovem mimada, ela é espontânea e não corresponde ao perfil de uma princesa ideal, mas trás consigo uma bondade imensa e uma fé no próximo maior ainda. Gostei da abordagem da autora, que transformou esse conto de fadas tão conhecido em uma estória instigantes para o público adulto. O desfecho foi surpreendente, capaz de deixar o leitor sedento pelo próximo volume.

O livro possui uma capa magnifica, que fiquei admirando por longos momentos e diversas vezes interrompi a leitura para dar mais uma olhadinha, fiquei completamente "encantada". Com uma diagramação incrível e um design encantador nas divisões dos capítulos, foi escrito na terceira pessoa, o que proporcionou conhecermos bem uma vasta gama de personagens. O livro possui belas orelhas, a ultima trás um marcador de páginas com o tema do segundo livro (Feitiço) para ser destacado, páginas amarelas e letras em tamanho satisfatório. Eu super recomendo a leitura, quem estiver interessado em uma de história repleta de magia e aventura, não perca tempo Veneno é o livro que você precisa.

Bom

Confira esse e outros livros, além de muitas novidades 
legais na Fan Page da editora.

4 comentários:

  1. Amei a capa desde a primeira vez que vi. Fico feliz em saber que você gostou do texto e que se surpreendeu. Valeu a dica. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  2. Amei a resenha,deu vontade de ler haha' *-*
    Obg pela visita sem meu blog, já to seguindo aqui pq amei!
    Espero você lá, bjos!
    http://esefosseumfilme.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Amo esta capa e quero super ler este livro. hahaha

    Parabéns pela resenha. Vou ler.


    Beijokas da Fê :*
    http://fernandabizerra.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Realmente a capa é incrível. Amei o nome da rainha, rsrs.
    Com certeza quero muito ler este livro!
    Adorei a resenha!!

    Bjkas

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir