26 de agosto de 2017

[Resenha] Mentirosos - E. Lockhart

Oi amores!
Li esse livro a um tempinho mas ainda não havia tido condições de sentar e escrever sobre ele, isso porque Mentirosos me deixou completamente estupefata, a engenhosidade de Lockhart ao conduzir o enredo para um desfecho inimaginável me pegou completamente desprevenida. Sabe aquela narrativa que vai deixando pistas pelo caminho mas que você só consegue perceber que eram sinais e não apenas acontecimentos comuns quando tudo se revela? Foi isso que encontrei enquanto lia essa obra, em nenhum momento consegui prever o desfecho dessa trama e olha que não foram poucas as teorias que criei em minha mente na tentativa de desvendar o mistério central. Por fim, quero deixar registrado que embora tenha ficado arrasada com os rumos que a história tomou, preciso tirar meu chapéu para a magnificência e habilidade do autor que ao conduzir esta trama a um final nada menos que inesperado ganhou toda a minha admiração.

Mentirosos (We Were Liars)
Autor (a): E. Lockhart @elockhart
Publicação: Seguinte
ISBN: 9788565765480 | Skoob
Gênero: Jovem adulto
Ano: 2014
Páginas: 272
Avaliação: 5/5★
Os Sinclair são uma família rica e renomada, que se recusa a admitir que está em decadência e se agarra a todo custo às tradições. Assim, todo ano eles passam as férias de verão numa ilha particular. Cadence — neta primogênita e principal herdeira —, seus primos Johnny e Mirren e o amigo Gat são inseparáveis desde pequenos, e juntos formam um grupo chamado Mentirosos. Cadence admira Gat por suas convicções políticas e, conforme os anos passam, a amizade com aquele garoto intenso evolui para algo mais. Mas tudo desmorona durante o verão de seus quinze anos, quando Cadence sofre um estranho acidente. Ela passa os próximos dois anos em um período conturbado, com amnésia, depressão, fortes dores de cabeça e muitos analgésicos. Toda a família a trata com extremo cuidado e se recusa a dar mais detalhes sobre o ocorrido… até que Cadence finalmente volta à ilha para juntar as lembranças do que realmente aconteceu. Mentirosos é um suspense moderno e sofisticado, impossível de largar até que todos seus mistérios sejam desvendados. Ao mesmo tempo, a prosa lírica e o estilo seco e denso o fará mergulhar de cabeça no mundo dos Sinclair e nas crescentes angústias de Cadence — para então vir à tona completamente impactado.
Eis um livro que cativa e surpreende. E. Lockhart nos apresenta uma história sem precedentes e através de um narrativa ponderada revela os motivos e as consequências que tornaram Mentirosos uma obra singular que conquistou milhares de leitores. Uma trama repleta de sentimentos capaz de prender o leitor do inicio ao fim, uma história de amizade, recomeços e problemas familiares, temas comuns que abordados com maestria fogem da previsibilidade. Eu já havia lido inúmeras resenhas que exaltavam as qualidades desse livro, mas nem isso foi capaz de me preparar para o que estava por vir, por isso quero deixar registrado que essa leitura é uma experiência que deve ser desfrutada, não da para basear-se seguramente apenas em um pequeno texto como esse, é no folhear de páginas e na expectativa de se desvendar um mistério que é muito maior do que se pode imaginar que é possível perceber e sentir a verdadeira essência dessa trama, que apesar de fictícia trás uma mensagem legítima.

Cadence pertence a uma família rica e tradicional, é a neta mais velha e herdeira por direito da maior parte do patrimônio milionário dos Sinclair. Criada com o que há de melhor, desde cedo ela aprendeu a se portar de forma exemplar, visando não macular a imagem perfeita e imponente associada ao seu sobrenome que foi cuidadosamente construída ao longo dos anos. Mas ela não é como seu avô, sua mãe e suas tias, Cadence não é e nem quer ser perfeita, ela assim como seus primos Johnny e Mirren, só querem aproveitar os dias ensolarados que compartilham na ilha particular da família e onde passam seu verões. A personalidade divergente que já estava sendo construída toma forma definida no verão dos oito (quando todos eles tinham oito anos), com a chegada de Gat um garoto humilde e de pele escura cheio "defeitos" que contrastavam com a existência magistral de seus anfitriões, apesar do preconceito velado que sofria dos adultos o garoto conquistou a admiração e a estima da geração mais jovens dos Sinclair e juntamente com Cadence, Johnny e Mirren, Gat compõe os Mentirosos, uma espécie de aliança e cumplicidade que os quatro compartilham todos os verões. Porém anos depois no verão dos quinze Cadence torna-se vítima de um estranho acidente que a deixa sem memória e com terríveis sequelas que vão desde uma dor de cabeça intensa e constante até uma depressão iminente. Ela não faz ideia do que aconteceu na noite que mudou completamente a sua vida mas agora dois anos depois do fatídico dia ela decide que chegou o momento de lembrar e retomar as rédeas do seu futuro.

Durante a leitura é impossível não notar a crítica social descrita na história. Os Sinclair tem orgulho em ostentar a vida "perfeita" que detém, a eles não é permitido falhas, nunca erram, são felizes, saudáveis, bonitos e inteligentes. Uma família que vive de aparências e que na ânsia de ter cada vez mais fortuna e prestígio, negligenciam o bem estar emocional dos seus, não é preciso ir muito além da superfície para perceber a natureza manipuladora e interesseira da linhagem Sinclair, com exceção dos jovens e das crianças os demais membros não se privam de brigar e corromper para conseguirem o que desejam.  Além disso, temos como destaque principal o mistério que envolve o verão dos quinze, munidos apenas com os fragmentos de lembranças de Cadence é possível criar inúmeras teorias que já adianto não chegam nem perto do que realmente aconteceu, e esse é um dos pontos que mais amei na história, Lockhart possui uma narrativa simples e ao mesmo tempo magistral, trás para essa história um desfecho coerente, que se encaixa perfeitamente no que foi construído durante a história mas que está a anos luz da obviedade. Quando finalmente se descobre para onde o enredo estava te levando durante todo o tempo é impossível não ser tomado de imediato por uma incredulidade gigantesca, para em seguida como em uma montanha russa ser lançado em um poço sem fundo de negação e tudo isso enquanto elimina todo o líquido corporal através de lágrimas infinitas. Eu sei, ficou bem dramático, mas foi exatamente assim que me senti enquanto recapitulava todos os acontecimentos incessantemente na esperança de capitar tudo o que tinha deixado passar durante a leitura.

E só depois dessa reavaliação pude perceber que os sinais estavam lá, meio disfarçados e meio na cara de quem se propusesse a ver além das aparências. Acredito que isso resume tudo, uma realidade ilusória em todos os sentidos, para pescar o fio da meada é preciso ver além. Os Sinclair são perfeitos, o Gat é inferior, a Cadence sofreu um acidente, essas são as evidências que se apresentam e são as "verdades" que todos acreditam, inclusive nós, mas como disse antes "não é preciso ir muito além da superfície para perceber" o que de fato está acontecendo naquela ilha e com aquelas pessoas. Com uma narrativa perturbadora que na ficção descreve uma história não tão distante da realidade Lockhart me enfeitiçou ao ponto deu não conseguir parar de ler. Os personagens de tão imperfeitos são quase palpáveis, me senti uma expectadora real, como se estivesse naquela ilha vendo tudo acontecer, tão confusa quanto a Cadence tentando descobrir os reais motivos de tudo e por fim, não foi difícil compartilhar da dor e da emoção que se despeja sobre todos os envolvidos. Este é um suspense extremamente bem desenvolvido. Uma história repleta de ensinamentos que aborda ambição e preconceito mas sobretudo nos fala da amizade plena, construída dia após dia sobre rochas e areia, de quebra somos presenteados com um principio de romance juvenil que emociona e comove. A qualidade da escrita é inegável e sem sombra de dúvida é um dos inúmero pontos altos da trama. Recomendo que leiam, pois por mais que eu tente jamais conseguirei transmitir a intensidade do que se passa nessas páginas, um livro que muito mais do que lido deve ser sentido. 

20 comentários

  1. Oie, tudo bom?
    Jamais imaginaria essa magnitude de história e conteúdo pela capa ou título. É muito mais do que eu esperava, quero saber muito o que acontece e sentir tudo o que sentiu enquanto lia. A capa é bem bonita, mas poderia entregar melhor do que se trata o livro. A menos que essa tenha sido a intenção ^^

    ResponderExcluir
  2. Sempre ouço falar desse livro e preciso ler o quanto antes, pois a maioria das resenhas são positivas. E não consigo mesmo imaginar a intensidade do livro e espero gostar tanto quanto você.
    Espero poder ler em breve!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Eu já tinha ouvido falar do livro, mas não sabia de quão bom poderia ser. Adorei demais a resenha e me deixou muito, muito curiosa pra saber o que se passa realmente na vida desses jovens! Eu sempre fui fã de suspense, mas faz um bom tempo que não leio um.
    Com certeza esse vai entrar pra minha listas de livros que devo ler um dia! Obrigadíssima pela dica!
    Beijos,
    As Meninas Que Leem Livros~

    ResponderExcluir
  4. Oie!

    Já li algumas resenhas sobre essa obra, e gostei bastante da proposta dela! Bem diferente do que imaginamos somente lendo o titulo do livro, espero em breve poder conferir de perto essa história e gostar! Até porque a capa é linda!


    Bjss, vem participar do nosso sorteio serão três ganhadores, valendo um livro Fuck Love, um livro surpresa + um kit de mimos não perca a oportunidade! http://resenhasteen.blogspot.com.br/2017/08/sorteio-do-desapego-3-ganhadores.html

    ResponderExcluir
  5. Com tantos pontos positivos é impossível não querer ler Mentirosos. Eu até já tinha lido outras resenhas também bastante interessantes, mas com o seu entusiasmo é um diferencial. É muito bom pegar um enredo que surpreende e é tão repleto de elementos que prende o leitor até o fim. Adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  6. Oii
    Já faz algum tempo que li uma resenha deste livro e fiquei com vontade de lê-lo. Agora com as suas palavras acabei relembrando que PRECISO fazer a leitura e descobrir de vez o que aconteceu com a garota! Todos falam muito bem desta obra e quero poder fazer o mesmo. hahah

    Vícios e Literatura

    ResponderExcluir
  7. Delmara, vem aqui me abraçar porque eu também não percebi nada durante a leitura e levei um choque quando a verdade foi revelada. Caramba, amo muito esta história e não levo a serio quem fala que tinha desconfiado desde o inicio.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá amore,

    Esse livro já estava em minha lista de desejos ao ler sua resenha fiquei ainda mais curiosa pra ler.
    Você conseguiu mostrar um pouco da intensidade que contém no livro!

    Beijokas!

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia esse livro , mas fiquei com vontade de ler. Ainda mais depois de sua resenha. Gosto de livros que me deixem estupefata. Adoro enredos surpreendentes, mas quem não gosta não é mesmo. Grata pela dica de leitura! Bexitus!

    ResponderExcluir
  10. Nossa que livro intrigante esse. Realmente as pessoas gostam muito de viver de aparências e o mais triste, achar que são superiores por terem status e dinheiro. Fiquei muito curiosa pra saber o que acontece com a Candence.

    Não conhecia nem a autor e nunca tinha visto nada sobre esse livro. Adorei a sua resenha. Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Olá!Tudo bem?
    Uma amiga leu e falou super bem fiquei muito interessada mas ainda não tive a oportunidade de ler .A história parece puro mistério e cheio de dúvidas.
    Quero muito ler.
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Olá...
    Adorei a resenha!
    Gostei bastante de suas impressões, também fiquei estupefata com essa obra! Tudo é muito bem construído e aquele final foi tão surpreendente que acho que nem em 200 anos poderia descobrir o desfecho.
    Super recomendo <3
    Bjo

    ResponderExcluir
  13. Oiii Delmara

    Dessa autora li O Histórico Infame de Frankie Landau Banks e também me surpreendeu como a autora consegue ser imprevisível e prender o leitor, pelo visto todos os seus livros possuem essa forte critica social, acho bem interessante. Com certeza quero ler Mentirosos, acho que irei gostar

    Beijos

    aliceandthebooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Olá Delmara,
    A hype em cima desse livro foi bem grande, não é? Eu ainda não tive oportunidade de ler, confesso que, em partes, porque desanimei com algumas coisas que li sobre o livro. Fico contente que você tenha gostado e bem intrigada com a parte da crítica social, adoro livros nessa pegada.
    Acho que preciso me despir dos meus preconceitos e ler esse livro logo.
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  15. oie, nossa, é impossível não se empolgar com essa sua empolgação. Adorei saber que o livro surpreende e não é nada do que parece. Gosto de autores que conseguem nos prender e causar grandes reviravoltas. Vi que essa autora está lançando mais um livro em breve, e tomara que seja tão bom quanto esse.

    ResponderExcluir
  16. Olá!

    Mais uma resenha positiva recebida com sucesso, meu nível de vergonha por não ter lido só aumenta e eu nem tenho a desculpa de ser um livro caro, pois perdi promoções incríveis. Que o livro é surpreendente eu já sabia, mas adorei ver a forma como você enxerga a narrativa, cada nova resenha me apresenta uma coisa nova e me da mais vontade de conferir esse livro. Prometo que vou tomar vergonha e começar a leitura, depois volto para contar o que eu achei.

    Beijos e Sucesso!!

    ResponderExcluir
  17. Cara, eu peguei um spoiler ENORME desse livro, bem sobre final dele. Quase choro quando li. E foi sem querer, eu fugia dos spoilers, porque ainda não li o livro. Tenho ele em casa, mas estava deixando para ler depois, quando tivesse mais livre das leituras que tenho para fazer. Sei que quando o ler, vou me apaixonar pela narrativa e que vou favoritar também a obra.

    ResponderExcluir
  18. Li já outras resenhas desse livro, mas ainda não consegui lê-lo. Li coisas boas, a autora deve ser incrível para criar uma história como essa que você descreveu. Fiquei bastante curiosa para descobrir o que acontece nessa ilha!

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  19. Oi, Delmara!
    Já li algumas resenhas do livro e todos os comentários que li foram positivos. Tenho curiosidade,mas acabo sempre deixando a leitura para depois. Fiquei ainda mais curiosa com sua resenha e assim que ser vou ler.
    Beijos,

    Rafa - blog Fascinada por Histórias

    ResponderExcluir
  20. Olá,

    Li esse livro pouco depois que foi lançado, e mds! que livro, fiquei passada com o desfecho dessa obra, não desconfiei em momento algum do que estava acontecendo. A escrita é fantástica, uma coisa poética, que revela tudo, mas sem revelar nada e o tempo todo estava ali mostrando o que sentiríamos quando descobríssemos a verdade. Já li um outro livro da autora e tenho que dizer que ela arrasa.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir