10 de junho de 2014

Resenha #125 A filha do Sangue - Anne Bishop

Não sou nenhuma expert em fantasia, na verdade é um dos gêneros que menos li na vida. Fiquei curiosa com esse livro pela promessa de um enredo fantástico e incrível. E realmente o livro é incrível, acredito que o mais fantástico de todos que já li do gênero, mas não só isso, o enredo trás uma complexidade frustrante e ao mesmo tempo aguçante.

Título: A filha do Sangue
Autor (a): Anne Bishop
Editora: Saída de Emergência
N° de Páginas: 432
O Reino Distorcido se prepara para o cumprimento de uma antiga profecia: a chegada de uma nova Rainha, a Feiticeira que tem mais poder que o próprio Senhor do Inferno. Mas ela ainda é jovem, e por isso pode ser influencidade e corrompida. Quem a controlar terá domínio sobre o mundo. Três homens poderosos, inimigos viscerais - sabem disso. Saetan, Lucivar e Daemon logo percebem o poder que se esconde por trás dos olhos azuis daquela menina inocente. Assim começa um jogo cruel, de política e intriga, magia e traição, no qual as armas são o ódio e o amor. E cujo preço pode ser terrível e inimaginável. 

Os Sangue, foram criados para servirem as trevas e protegerem o reino, com a chegada de tiranas ambiciosas ao poder essa espécie mágica passou a sofrer com os mandos e desmandos de rainhas inescrupulosas. A partir disso as Rainhas dominaram o poder e passaram a escravizar todo e qualquer macho que detenha poder e que possa oferecer algum risco ao seu governo, os machos torna-se escravos sexuais das rainhas mais cruéis.

Uma profecia trás esperança ao povo escravizado "Uma nova rainha está a caminho para libertar o povo da opressão, esta deterá um grande poder e será capaz de destruir os corruptores dessa sociedade sofredora". Longos anos se passam até que a profecia se cumpra, a rainha feiticeira realmente chega, mas na pele de uma menina poderosa porém extremamente vulnerável, e por isso facilmente influenciável. Três homens - príncipes do sangue - poderosos, serão os guardiões e instrutores da jovem feiticeira, destinados a servir a nova rainha Saetan, Lucivar e Daemon dedicarão suas vidas para mantê-la em segurança até que esteja preparada para a tomada do poder.

Esse livro se difere totalmente de tudo que já li na vida, com um enredo sombrio ele me jogou para longe da minha zona de conforto sem aviso prévio. Ambientado em um universo inimaginável em algumas situações me vi envolvida por um sentimento dúbio. Nada nessa estória é preto no branco, "Ninguém é completamente bom, ninguém é de todo mau" e diante disso você não consegue amar ou odiar completamente um personagem.

Trazendo como ponto auto personagens interessantes e cativantes a autora desenvolveu um enredo viciante, a princípio (pelo menos as 200 primeiras páginas) estava literalmente perdida na trama, me confundia facilmente com os nomes e lugares, mas no decorrer da estória as coisas foram clareando e comecei a me situar, então foi inevitável simpatizar com alguns personagens, entre eles Daemon o típico vilão que não é completamente mal, esse personagem me chamou atenção por se tratar de um homem "aparentemente" inescrupuloso, embora possua códigos de honra que segue a risca. Como assim? Alguém sem escrúpulos que possui honra? Daemon é um personagem complexo que me conquistou no decorrer da estória. Sua relação com Janelle a jovem feiticeira tem sido imensamente criticada. Admito que deparar-se com um homem adulto com centenas de ano sentido-se atraído por uma menina de apenas doze anos é no mínimo perturbador, apesar disso a relação dos dois não baseia-se apenas nisso, há um envolvimento quase que paternal entre os dois que me comoveu. Em nenhum momento, me senti a vontade com o desejo carnal que Daemon demonstra nutrir pela garota, mas esse fato como tantos outros foram imprescindíveis para tornar o livro uma completa surpresa.

Com uma diagramação extremamente caprichada esse com certeza é um dos livros mais lindos da minha estante, a capa possui uma moldura que abre para a orelha do livro onde está a imagem da feiticeira, fiquei completamente boba quando vi, narrado por diversos personagens é possível ter uma visão geral do livro, facilitando a percepção das personalidades conflitivas desses narradores. Nem de longe conseguiria descrever tudo o que esse livro apresenta, por se tratar de uma trama complexa ainda não sei bem minha opinião final a respeito do mesmo, pessoalmente falando definitivamente não é o tipo de livro que eu leria. Por outro lado, com um olhar crítico e impessoal, posso dizer que Anne desenvolveu uma trama brilhante sem precedentes que vai envolver os fãs de fantasias de uma forma singular, uma estória com propriedade únicas, bem construída e inovadora, já que o mundo no qual a estória se passa não poderá ser visto por em outras obras por ai. Um livro espetacularmente único que recomendo aos que estão a procura de algo novo, intenso e perturbador.  

Muito bom

Confira esse e outros livros, além de muitas novidades 
legais na Fan Page da editora.

5 comentários

  1. Amiga tenho que confessar que o que mais me chama atenção é a DIAGRAMAÇÃO desse livro, porque é simplesmente MARAVILHOSO. Mas a história mesmo eu não sei se irei gostar, até porque não sei se faz muito meu gênero, mas tenho curiosidade de ler, porque gosto de fantasia, só não gosto de coisa muito pesada. Enfim...Acho que é capaz que eu goste pelo que vc escreveu, porque achei bastante interessante a história e espero ter a oportunidade de ler =] Enfim...Mas tenho que falar uma coisa, os livros da Saida de Emergencia é bem caro em?!! hahahaha...Mas os livros pelo menos vale a pena.

    Se cuida linda e parabens pela sua resenha.
    vou procurar ler ele e ver o que eu acho realmente =D
    Se cuida e fica com Deus

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. UAU! Que resenha incrível!
    Eu fiquei muito impressionada com a sua resenha, pois só tenho visto resenhas bem negativas a respeito dele. Como sou uma grande fã de fantasia, fiquei até bem decepcionada. Mas agora me deu uma revigorada. Curti. Vamos ver se eu consigo encaixá-lo na minha lista de leituras.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  3. Oi Delmara! Eu amo esta capa! E adoro esta mitologia sobre magia e feiticeiras! Só vejo ótimas resenhas sobre o livro, pretendo ler ele em breve!
    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  4. Oi, Delmara! Que resenha, hein?
    Não conhecia esse livro, mas adorei a dica. Fantasia também não é o meu forte, mas até que eu leio de vez em quando. Se bem que esse livro valeria ter só pela capa hahahaha.. que coisa mais linda! Amei =)

    beijos,
    Carla
    http://linhas--soltas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ai medieval, não sei que estou no momento para lè-lo por mais que a sua resenha me animou intensamente, adorei
    Já estou seguindo o blog

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir