23 de janeiro de 2014

Modinhas??

Oi pessoal!
Vou falar hoje sobre o termo "modinha" associado aos livros que viraram febre pelo mundo a fora. Não sei se minha opinião será condizente com a da maioria, mas gostaria muito de expressar meu ponto de vista e vou me arriscar a discordar de algumas pessoas.


Quem nunca leu um livro por indicação de alguém?? Ou melhor, quem nunca quis ler um livro que todo mundo está lendo e falando bem?? Eu já li muitos livros que viraram febre por pura curiosidade para ver se era tudo isso mesmo, claro que inevitavelmente me decepcionei muitas vezes. Afinal nem todo mundo partilha do mesmo gosto literário, os livros que amo podem não agradar em nada um outro leitor.

Mas a questão é: a que se dá a popularidade excessiva de certos livros? Eles são bons ou apenas "modinhas"?

Não sei se vocês já perceberam que eu sou do tipo de pessoa que odeia generalizações, então não é novidade que na minha opinião os livros que viram febre podem sim ser realmente bons e não ser apenas uma modinha. Já falei "modinha" várias vezes e ainda não disse o que acho que isso seja, na verdade até outro dia eu não tinha um conceito definido a respeito desse termo, mas após algumas pesquisas entendi que trata-se de livros que são super divulgados através do marketing pesado de editoras e alguns blogs literários entre outros meios, com elogios em excesso que muitas vezes não retratam fielmente a verdadeira qualidade da leitura, atraindo assim milhares de leitores que acreditam que este ou aquele seja o melhor livro que já existiu e no caso da modinha nem sempre esse é o caso.


Pelo que descobri, a modinha é um livro bem falado por muitos, lido por um número igualmente grande, desejado pela maioria, mas nem sempre muito apreciado. Tenho que dizer que a divulgação influencia e muito o desejo de ler tais livros, claro que se você tem várias pessoas dizendo que o livro é maravilhoso, que a leitura é imperdível, ressaltando mil pontos positivos da leitura, você como bom leitor acaba ficando sedento pela leitura. E o que acontece quando você lê tal livro e não curte muito a leitura? Pior ainda você lê e não curte nada da leitura? Será que eu sou a única que se sente como um extraterrestre?

No final das contas não importa se o livro é modinha ou não, se a capa é perfeita e todo mundo diz que ele é maravilhoso, temos que saber filtrar as informações e pesquisar com pessoas que possuem gostos parecidos com os nossos, como disse anteriormente pode haver pessoas mentindo a respeito da qualidade do livro, mas também podem haver pessoas que realmente amaram o livro que você odiou, é tudo uma questão de gosto. E quem vai julgar? Nós leitores estamos aqui para acrescentar, temos que estar livres dos preconceitos e devemos respeitar os gostos literários de cada indivíduo. Cabe a nós atenção ao escolher a leitura, por diversas vezes escolhi livros bem elogiados e acabei não gostando da leitura, ao invés de culpar quem super elogiou o livro eu simplesmente entendi que não foi bom pra mim, embora tenha sido bom para tantos outros. Acho que temos que passar a nos responsabilizar pelas nossas escolhas, eu comprei os livros e quis lê-los, eu me deixei influenciar por alguém que gostou e elogiou muito. Ninguém tem culpa se eu simplesmente não gostei da leitura.

Alguns livros que não gostei e que muitas outras pessoas amaram.


Li vários elogios a respeito desses dois livros, mas não consegui ler nenhum dos dois, eis ai os únicos livros que abandonei a leitura em toda a minha vida. Marina não conseguiu me prender, muito pelo contrário me deparei com uma leitura arrastada que não fluiu de forma alguma. O morro dos ventos uivantes, foi um livro que comecei a ler por recomendação de várias pessoas, um clássico amado por muitos, mas os personagens se apresentaram tão insuportáveis que não consegui continuar lendo, Heathcliff com ares de louco e Catherine tão intragavelmente mimada, que tinha que impor sua vontade a cima de tudo e de todos. Os fãs das obras que me perdoem, mas como já disse antes, é uma questão de opinião.


O código Da Vinci, foi uma febre quando lançado e até hoje existem muitos apaixonados pelos livros de Dan Brown, coloquei esses dois livros juntos exatamente por se tratarem de livros escritos por dois escritores muito elogiados no meio literário, tenho que admitir que o Dan tem uma escrita genial, o que não me agrada nos livros dele são exatamente os temas abordados, sem mais comentários a respeito. Já o Harlan não foi pra mim tudo o que é para os outros, o Mestre das noites em claro não conseguiu me prender, pelo menos não nesse primeiro livro dele que li, tenho outros aqui que pretendo ler e ver se gosto tanto quanto todo mundo (não vou julgá-lo por apenas um livro lido), eu até gostei do livro, só não achei tão espetacular como todos falam, enfim não atribuo isso a qualidade do livro, já que o fato dele não ter me chamado a atenção não significa que ele seja ruim, afinal muitas pessoas amaram e eu respeito isso.

É importante que nós leitores saibamos expressar nossa opinião, se não gostamos de um livro não significa que ele seja ruim, significa apenas que não foi bom para você e outras pessoas tem o direito de gostar dele sem estar mentindo. Dito isso desejo para todos os leitores livros que os agradem e que se por algum motivo encontrarem um que os decepcione, lembrem-se que não é preciso jogar pedras em quem escreveu ou em quem gostou, basta apenas respeitar e aceitar que os gostos se diferem.

41 comentários

  1. Oi, Delmara!
    Eu acho esses "rótulos" muito chatos. O fato de muitas pessoas comentarem sobre determinado livro e fazê-lo "popular" não significado que ele é horrível, tão pouco ruim; isso varia muito do perfil de leitor de cada um. O chato é que algumas pessoas não se permitem experimentar novas leituras pelo simples fato do livro ser muito comentado e lido pela massa.
    Adorei o post.

    Beijos,
    Blog | Youtube

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa é a questão Nina,
      muitas pessoas simplesmente anulam um livro, simplesmente porque muitos amam e elogiam... É o tal do pré-conceito.

      Excluir
  2. Bom dia,
    Bom primeiro não sou adepta a ler livros não tenho paciência, porém tenho vários conhecidos que são vibrados e amigos indicam livros a eles......porém eles acabam não gostando da maioria.....não sei se a capa chama mais a atenção do que o conteúdo....vai saber rs....complicado....sigo naquela velha frase GOSTO é GOSTO ^^

    - Resenha nova no blog bora conferir ;)

    Beijoss *-*

    ==> Blog Resenhas da Pâm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma pena que não tenha paciência para ler...

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tenho problemas em ler livros históricos, muito pelo contrário amo livros de outras épocas... O que me irritou em o Morro foi a personalidade doente dos personagens protagonistas, nada contra o cenário ou os demais personagens...

      Excluir
  4. Oi Delmara!
    Eu já li vários livros que viraram modinha e alguns outros que já estavam fazendo sucesso, alguns valeram a leitura, outros não tanto... eu procuro não julgar qualquer livro sem ter lido, mas tem alguns que simplesmente não consigo me envolver com a história ou os personagens.
    Até hoje não li nada de Dan Brow, os temas simplesmente não chamam a minha atenção. terminei de ler O morro dos ventos uivantes porque foi uma indicação, mas a leitura se arrastou do início ao fim... Enfim, acho que depende de cada um, mas todos deveriam falar a verdade sobre o que leram.
    Beijos!
    http://sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não julgo os livros, nem mesmo aqueles que não gosto, muitas vezes tento lê-los novamente em outros momentos as vezes somos nós que não estamos no clima e não tem nada a ver com a qualidade do livro.

      Excluir
  5. Olá. Retribuindo a visitinha.
    Adorei o blog, achei muito legal o design. Lindo mesmo.

    Beijos para vocês.
    www.jessicamelo.com

    ResponderExcluir
  6. Olá , eu amo livros e concordo com cada palavra dita. Alguns livros que eu li viraram modinha e eu li na expectativa tao grande mais tao grande. E nof inal das contas , nem valeu tanto a pena!
    Enfim , amei seu blog e seu texto. Aguardo sua visita em meu blog , beijos ;*
    www.beijodacamyblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Uma coisa boa sobre esses livros que são "modinha" (aka livros do John Green) é que sempre termina abrangendo gente que não costuma ler. Conheço muitas pessoas que nunca tiveram alguma vontade de ler algum livro, até ler A Culpa é das Estrelas/Quem é você, Alasca? e se apaixonarem completamente por esse universo que para eles é novo. Tudo tem seu lado bom e, se tratando de livros modinha, esse é o lado que eu gosto. :)

    E, gente, Marina e O Morro dos Ventos Uivantes são dois dos meus livros preferidos! Amo ambos intensa e profundamente. E eu super entendo sua reclamação sobre Cathy e Heathcliff, realmente é meio difícil gostar deles. :)

    http://sendoempapel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é verdade, muitas vezes por curiosidade uma pessoa acaba se tornando um leitor assíduo... Muito bem colocado.

      Excluir
  8. ''O Morro dos Ventos Uivantes ''' Quase me '' torturaram'' por que eu disse que não tinha achado esse livro ''lá grande coisa''. A estória não me prendeu tanto, não me causou o que as pessoas diziam que iam causar: impacto emocional. Sobre '' livros modinhas'', acho que isso depende muito, alguns livros são realmente bons, já outros não são tão bons assim para mim.. mas vai saber se não é bom para o próximo né?!

    http://meueternoinverno.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dependendo da pessoa, ela jamais aceitará que não importa o quanto um livro seja bom para si, ele jamais será bom para todos, é uma questão de gosto e personalidade.

      Excluir
  9. Oiee ;)
    Super bacana esse post, concordo com as tuas palavras, por isso quando tem muita febre por um livro minha curiosidade por ele acaba, tinha os dois primeiros livros da seriei 50 tons e me recusei lê-los! Eu chego a dizer que sou um E.T ou Do Contra, pois livros que a maioria das pessoas amaram de paixão não acontecem comigo, igual Anna e o Beijo Francês de fato o livro é fofo, contudo não me conquistou como aconteceu com a grande maioria. E sinceramente gosto de ter meu gosto particular outro autor que não sou fã e só li dois livros é o Sparks e não consegui ler A menina que roubava livro #DoContra rsrsrs
    Beliscões da Máh♥
    Cantinho da Máh

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já costumo ler todos os livros que me atraem independente de ser muito bem falado ou não... Só assim para tirar minhas próprias conclusões.

      Excluir
  10. Oi, Delmara!

    Sou muito contra a onda também, sabe? Apesar de ter gostado muito de O Morro dos Ventos Uivantes, não costumo gostar dos livros que o pessoal costuma adorar, hahaha.

    Beijos,

    Natalia Leal
    http://www.paginas-encantadas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não me incomodo com os livros super populares,
      pelo contrário, gosto das literaturas bem divulgadas... Só me incomodo com a intolerância a opinião dos que não curtem tais livros ou com o pré-conceito para com essas obras.

      Excluir
  11. Sou uma das apaixonadas por "O morro dos ventos uivantes" e uma das avessas a Dan Brown. Não gosto de nada que ele escreve. Quando gosto de um autor, leio tudo o que posso - foi o caso de Emily Brontë. Li todos os seus 34 livros, muitos ainda com o pseudônimo Ellis Bell. Vale dizer que odeio livros modinha :) assim como filmes, músicas, roupas, etc.. A publicidade em mim tem efeito contrário, quando vejo na boca do povo, desinteresso. Até porque a surpresa da história não existe mais.
    Gosto não se discute, mas é muito bom quando encontramos pessoas com visões parecidas com a nossa ou aquelas que possuem argumentos tão bons que fazem mudar a nossa - o que não é o caso das obras fechadas.
    Beijus,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, as vezes a divulgação é tamanha que acabamos nos desinteressando da história já tão falada... Mesmo assim gosto de ler e descobrir minhas próprias sensações que podem ser contrárias as da maioria bem como podem ser semelhantes.

      Excluir
  12. Oi Delmara!
    Adorei seu post!!! Eu sou assim: quando o livro vira "modinha", acabo ficando com medo de me decepcionar. E já aconteceu várias vezes!!! Vários livros que a maioria ama, eu não consigo gostar. Mas fazer o que, ainda bem que não somos todos iguais, né!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitas vezes esses livros decepcionam tanto não por serem ruins, mas devido as grandes expectativas que criamos, diante de tantos elogios achamos que leremos os livros da nossa vida e no final das contas é apenas um livro comum.

      Excluir
  13. Sou uma das apaixonadas por "O morro dos ventos uivantes" e uma das avessas a Dan Brown. Não gosto de nada que ele escreve. Quando gosto de um autor, leio tudo o que posso - foi o caso de Emily Brontë. Li todos os seus 34 livros, muitos ainda com o pseudônimo Ellis Bell. Vale dizer que odeio livros modinha :) assim como filmes, músicas, roupas, etc.. A publicidade em mim tem efeito contrário, quando vejo na boca do povo, desinteresso. Até porque a surpresa da história não existe mais.
    Gosto não se discute, mas é muito bom quando encontramos pessoas com visões parecidas com a nossa ou aquelas que possuem argumentos tão bons que fazem mudar a nossa - o que não é o caso das obras fechadas.
    Beijus,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, as vezes a divulgação é tamanha que acabamos nos desinteressando da história já tão falada... Mesmo assim gosto de ler e descobrir minhas próprias sensações que podem ser contrárias as da maioria bem como podem ser semelhantes.

      Excluir
  14. Você não gostou do Harlan Coben? '-' Eu amo! hahaha
    Realmente, esse lance de modinha é muito relativo, não quer dizer que o livro é bom só porque está na moda. O ruim é só quando aquelas pessoas que tem preconceito com o que está na moda deixam de ler livros realmente ótimos só porque eles são "modinha"... ai ai!
    kkkkkk

    Beijo :*
    www.tainahrodrigues.com
    fantasiandocomoslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade só não achei o Harlan tão excepcional como todos dizem, achei bom nada demais, sou apaixonada pelos livros do Sidney Sheldon, esses sim me deixam virar e noites e mais noites em claro.

      Excluir
  15. Oi Del :)
    Super adorei seu texto! Tava pensando sobre isso um dia desses, quando terminei (de forma penosa, admito) a leitura de Easy. Eu vi todo mundo falando mega bem do livro, na orelha dele tem mil elogios à história... e eu odiei! Achei o livro CHATO, a história CHATA, os protagonistas CHATOS e só não joguei ele na parede pq ia amassar, tadinho.
    O mesmo aconteceu quando li A Culpa é das Estrelas. Eu gostei do livro, achei uma graça, mas não amei como todo mundo amou por aí.
    Vc não gostou de O Morro dos Ventos Uivantes? Sério? Eu ameii <3 O Código da Vinci também eu gostei bastante.
    Beijos
    http://www.coisasdemeninas.blog.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Do morro não gostei dos protagonistas, que foi fundamental para empacar minha leitura, cada frase que eles falavam me tirava do sério.. Já o Dan, apesar dele possuir uma escrita genial não curto as temáticas que ele aborda em seus livros.
      Eu adorei a culpa é das estrelas, mas não chorei baldes como muitos.

      Excluir
  16. Bem, acho que esse negócio de livros virarem modinha é muito benéfico. Quantos eu já vi que começaram porque, sei lá, Crepúsculo virou moda, ou A Culpa é das Estrelas, e no fim, gostaram muito desses, e começaram a lê-los. Muitos, deixaram de continuar, já que livro tão, sei lá, "incríveis" não agradaram. Mas de qualquer forma. Não vejo nada demais, eu sempre pesquiso anda para comprar livros mesmo dskdjashdjk

    Beijos, E.
    http://apenasmaisumaxicaradecafe.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma boa pesquisa é essencial para a aquisição de bons livros.

      Excluir
  17. Não li nenhum desses livros, sei lá, não fiquei com vontade mesmo com tanta modinha por aí... Hoje em dia o que faz a fama dos livros são as blogueiras, e concordo com você que as pessoas falam tanto que amam o tal livro "modinha" e quando lemos acabamos nos decepcionando... Cada um é cada um né.

    www.nahboa.com

    ResponderExcluir
  18. Acho que foi isso que aconteceu com Jogos Vorazes pra mim, eu li o primeiro, mas depois não consegui continuar e ler os outros.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi flor!

    Eu confesso que adoro os livros de Dan Brown e Harlan Coben, mas me decepcionei com a Emily também. Eu acho que essa coisa das modinhas é uma benção e uma maldição. Já conheci livros maravilhosos e que viraram favoritos por terem sido muito comentados, como A culpa é das estrelas; mas também li livros que não me desceram de forma alguma e que me arrependi profundamente de ter considerado as recomendações, como foi com 50 tons. Mas eu acho que o importante é o que você falou: saber pesquisar. Por mais famoso que a obra tenha ficado, você não vai saber se realmente gosta se não procurar entre aqueles que tem um gosto parecido com o seu.

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Concordo plenamente com vc! O importante não é o livro ser "modinha", o importante é ler independente do gênero! Tbm já li muitos livros que estavam nessa tal de modinha, e assim como vc me arrependi de alguns, mas outros me surpreenderam! E tbm um livro que é modinha hje, amanhã pode ser um clássico né? hahaha Muitos livros antigos que lemos, em alguma época já foi modinha.
    Beijo!
    http://booksmanybooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Adorei o post, e concordo com você. Tem muitos livros que são modinhas mesmo como A culpa é das estrelas (perfeito rs), e a trilogia dos 50 tons, e as vezes quando paramos pra ler não era aquilo tudo que ouvíamos falar, ou porque simplesmente você não gostou ou porque o livro é ruim mesmo.
    Caio, o melhor presente

    ResponderExcluir
  22. Um livro que virou "Modinha" tambéem foi " A culpa é das estrelas" e vou ser sincera, li o livro por curiosidade para saber porque as pessoas estavam falando muito desse livro e não achei tão bom assim, mas até que a história me tocou bastante, mas não me encantei pelo livro. Beijos amei o post

    Se quiser visitar meu blog

    www.thayseallves.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Oie, vez ou outra eu não curto algum livro da "moda". Vou citar dois exemplos: PS. Eu te Amo e @mor. O primeiro eu não achei tão bom e demorei muito para terminar. O segundo foi uma decepção e passei muita raiva.
    Dos livros que você citou eu li Marina, mas gostei da escrita do autor e da história.
    Beijos
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oi amiga. Eu concordo com tudo o que você disse.
    O fato de muitas pessoas estarem falando que tal livro é bom, e que vc vê por ai super bem falado, passa no jornal, em comercial e tudo mais e vc leu e não gostou, não significa que ele ruim apenas que ele não te agradou. Eu respeito muito isso... Eu digo porque eu tenho uma amiga e nós temos os gostos literários parecidos... mas ela detestou a saga os imortais e eu gostei muito... é questão de ponto de vista de cada leitor mesmo. A culpa das estrelas por exemplo... até hoje eu ainda não li, mas estou muito afim... mas a minha vontade é mais curiosidade para saber se é tudo o que estão dizendo e olha que li resenhas positivas e negativas... O que importa de verdade é cada um expressar a sua opinião de maneira respeitosa e não julgar outros livros porque não gostou de um. Xero linda.

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Olá,
    Tudo bem? Adorei o post ;D
    Boa tarde, bjim

    http://esmaltechic.blogspot.com

    ResponderExcluir