Resenha #59 Antes Tarde que Mais Tarde Ainda - Liana Cupini

setembro 02, 2013
Hoje trago a resenha do Livro Antes Tarde que mais Tarde Ainda, continuação de Antes Tarde que mais tarde da Autora parceira do blog Liana Cupini, o primeiro volume foi incrível me proporcionou ótimas horas de descontração, mas esse com certeza foi além. Confiram a resenha.

Titulo: Antes Tarde que Mais Tarde Ainda
Autor: Liana Cupini
Editora: Modo Editora
N° de páginas: 202
Aos 34 anos e 13 meses a vida de Karla Kristina terá um novo turbilhão de emoções: grávida, ela enfim conhecerá a sogra, uma socialite paulista que promete transformar sua vida radicalmente, incluindo um maravilhoso casamento na Europa e um novo apartamento. Será que Karla esta preparada para ser mãe, esposa e largar seu emprego? Um livro leve e divertido, que retrata a gravidez por um ângulo pouco visto: o das mulheres inseguras e despreparadas. Sem ser meloso, esse livro continua repleto de sentimentalismo, amor, lição de vida e temperado com uma boa dose de comédia.

Cinco anos depois da estória que passou no primeiro livro, Karla Kristina encontrou a realização profissional e pessoal já que ela mantém seu relacionamento com Max. Ela agora sócia de uma grande empresa e ele um juiz ambos trabalhando muito para manter suas carreiras, nem preciso dizer que o relacionamento dos dois sofreu bastante com isso. Apesar da monotonia que a vida pessoal dos dois se transformou, o destino reservou novas reviravoltas. Karla Kristina está grávida, a noticia não poderia ser melhor para Max, que aproveitou a oportunidade para concretizar a família tão desejada e decidiu pedir Karla em casamento.

Mas para Karla as coisas estão correndo demais, afinal ela nem se acostumou com o fato de que será completamente responsável por uma outra vida e ainda tem que lidar com um pedido de casamento tão inesperado. O porém da estória é bem isso, Karla não se sente preparada para ser mãe e não quer casar, para ela assinar um contrato não prova nada, o que importa no final das contas são os sentimentos e a convivência que o casal tem.

Mas ela parece ser a única a pensar assim, já que todos os seu amigos e familiares ao invés de apoiá-la, insistem que ela só pode estar ficando louca em não querer aproveitar esse momento incrível que ela está vivendo. Tudo isso e mais o fato dela ter que lidar com sua sogra super rica e controladora decidindo cada detalhe do seu "casamento", e ainda para completar uma amiga de infância de Max que demonstra nitidamente querer ser bem mais que amiga, irá desestruturar totalmente Karla. 

Esse livro vem repleto de Insegurança, dúvidas, medo, ciúmes, principalmente porque Karla está mais sensível que nunca (acredito que por ela estar gestante), mas também há muito apoio e carinho, o Max demonstra muita maturidade ao lidar com a "namorada" grávida. Quando disse que esse livro foi além, não me refiro apenas a qualidade, me refiro também aos assuntos abordados, a Liana retratou com bastante propriedade, a gravidez de risco e temas como depressão entre outros, apesar da seriedade dos assuntos abordados também houve momentos descontraídos e um final que me deixou bastante surpresa e muito feliz. De toda a estória só me incomodou a forma como a Karla foi pacífica em muitas situações, principalmente quando diz respeito a mãe do Max que fazia tudo sem avisá -la a respeito de completamente nada, chegou ao ponto de vender o apartamento dela sem que ela soubesse (eu ia pirar com certeza hehe), mas enfim, como eu disse ela estava muito fragilizada e eu acabei deixando passar.

O livro trás uma leitura construtiva, além disso é lindo, a diagramação está perfeita, amei as ilustrações das páginas os coraçãozinhos e os pezinhos de bebê, a modo caprichou e agradou. Recomento o livro com certeza, quem leu o primeiro não pode deixar de ler esse, e quem não leu ainda corre vocês não sabem o que estão perdendo.

Ótimo

6 comentários:

  1. Preciso ler este. Já li o primeiro e estou curiosa quanto a continuação. A narrativa da Liana é muito boa! :D
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Delmara! Que legal a sua resenha! Parece mesmo que esse livro aborda um lado que é normalmente deixado de lado, mas que no fundo acaba fazendo parte da vida de quase todas nós...hehehe.
    Adorei =D

    bjs,
    Carla
    http://linhas--soltas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. ela não teria 35 anos e um mês kkkkk
    Gostei da sinopse, parece ser uma história bem leve para aquele momento que a gente que espairecer a mente!

    http://rockcomluxo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Me interessei pelo livro, ainda mais de uma escritora brasileira, amei.
    Vou colocar na minha lista de livros pra comprar *.*
    Beijo
    www.sonhosdebrigadeiro.blogspot.com
    BR

    ResponderExcluir
  5. Também adorei o livro. E realmente, eu piraria se vendesse meu apartamento sem que eu soubesse hahaha!
    Adoro a escrita da Liana, estou ansiosa por novos lançamentos =]

    www.resenhasealgomais.com.br

    ResponderExcluir